HNSC registra sete mortes em três dias e ocupação na UTI chega a 90%

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC) confirmou na tarde desta segunda-feira, 5 de abril, que a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) está com 90% de ocupação no início desta semana. Cinco pacientes são da região e 13 são de Pará de Minas.

Quanto aos leitos clínicos, a taxa de ocupação chegou a 86,1%, com 17 pacientes paraminenses e 14 de cidades vizinhas.

O HNSC também divulgou as mortes registradas em decorrência da Covid-19, sendo seis confirmados e três em investigação. Sete óbitos foram registrados em apenas três dias.

O primeiro confirmado, que estava em investigação, foi no dia 28 de março. A paciente tinha 57 anos e morava em Pará de Minas.

No dia 31 de março foi confirmada a morte de um paciente de 63 anos, de Pará de Minas, que estava internado desde 29 de março.

Já na sexta (02) um paciente de Formiga, de 45 anos, faleceu após complicações da doença.

No dia 3, sábado, foram três óbitos, sendo dois deles confirmados. Um paciente de 73 anos de Pitangui, uma idosa de 80 anos de Pará de Minas e uma mulher de 78 anos, também de Pará de Minas. Esta última, a morte ainda é investigada.

Do domingo foram dois óbitos. O do paciente de Pitangui, que tinha 64 anos, foi confirmado como decorrência do novo coronavírus. Está em investigação a morte de um homem de 92 anos, morador de Pará de Minas.

E nesta segunda-feira, 5 de abril, mais um óbito foi registrado. A idosa de 74 anos morava em Pará de Minas. A morte ainda está em investigação.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!