Prefeito diz que município de Florestal superou muitos desafios e alcançou boa colocação no IDH

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


A crise política em Brasília e os problemas econômicos enfrentados pelo país geraram muitas dificuldades para a administração pública. Como consequência, falta dinheiro para saúde, educação, segurança e para outras áreas de governo.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Os estados e as prefeituras foram muito afetados pelos desmandos do governo federal. A falta de comando e o desgastante processo de impeachment da presidente Dilma Rousseff (PT) entraram para a história.

O presidente Michel Temer (PMDB) também enfrenta uma onda de denúncias e tenta fazer reformas estruturais com o apoio de deputados federais e senadores. A próxima que ele pretende fazer é a da Previdência Social.

Enquanto isso os prefeitos se viram como podem e uma das palavras de ordem é o corte de gastos. Além disso, uma saída para a dificuldade financeira são as emendas parlamentares canalizadas para os municípios.

Um bom exemplo é Florestal. Entre os 853 municípios mineiros, ele ocupa atualmente a 58ª posição no Índice de Desenvolvimento Humano (IDH). Trata-se de uma medida resumida do progresso de longo prazo em áreas básicas: renda, educação e saúde

De acordo com Otoni Alves de Oliveira Melo, prefeito de Florestal, o ano de 2017 foi muito difícil para todos. Mesmo diante de grandes desafios a gestão conseguiu realizar obras e pagar os servidores em dia:

Otoni Alves de Oliveira Melo
otoni_alves_oliveira_florestal1


Outra demanda que sempre preocupa é da segurança pública. A cidade faz parte da região metropolitana de Belo Horizonte e conta com um campus da Universidade Federal de Viçosa (UFV). As reivindicações vêm sendo feitas ao comando da Polícia Militar, na capital:

Otoni Alves de Oliveira Melo
otoni_alves_oliveira_florestal2

As prefeituras das cidades menores sobrevivem basicamente do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), o qual vem sendo reduzido a cada ano. A conta não fecha e é preciso muito jogo de cintura.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!