Palestra com dicas sobre combate a Dengue para orienta usuários do SUS na Farmacinha

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


Uma equipe da Secretaria Municipal de Saúde promoveu nesta quinta-feira, 26 de outubro, uma palestra sobre o ciclo evolutivo do mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Febre chikungunya e Zika vírus.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Foram apresentados slides e vídeos sobre as larvas que são depositadas pelas fêmeas nos reservatórios de água parada. Essa proliferação dos insetos provoca graves problemas para a saúde pública.


Em Pará de Minas já houve a explosão do número de casos de Dengue e as unidades de saúde ficaram cheias de pacientes suspeitos de ter contraído a doença. Por isso a importância da prevenção.

Ainda não existe uma vacina para proteger o organismo humano do vírus da dengue. Foi constatado que o Zika vírus pode provocar a hidrocefalia nos fetos que estão no útero das mães. Uma má formação cerebral com sequelas para o resto da vida da criança.

O trabalho de combate ao vetor é constante e a população precisa ajudar o poder público nesta luta. De acordo com Rogério Marinho, agente de combate a Endemias, a maior parte dos focos do mosquito continua sendo encontrada dentro das residências


Rogério Marinho
palestradenguerogerio

Daniele da Silva Ramos, farmacêutica da Farmácia Básica, explica que as gestantes que estão inseridas no Cadastro Único (CadÚnico) do governo federal, tem direito de receber um repelente do mosquito. Basta procurar


Daniele da Silva Ramos
palestradenguedaniele

O repelente é em spray e cada gestante tem direito a receber dois frascos. Ele deve ser passado nas partes exportas do corpo e não existe contraindicação. Em casos de alergia a aplicação do produto deve ser suspensa e comunicar o fato ao médico da Unidade Básica de Saúde mais próxima.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!