Mau cheiro da ETE esquenta a reunião da Câmara e vereador chama prefeito de o “Homem da Carniça”

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

ete_rua
Durante reunião da Câmara Municipal realizada na segunda-feira (23) o assunto que mais gerou polêmica entre os vereadores foi o mau cheiro exalado pela Estação de Tratamento de Esgoto (ETE), localizada nas proximidades do bairro União.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Nos últimos dias os moradores estão reclamando do forte odor que vem afetando a vida de todos. A situação chega ao ponto de não ser possível se alimentar ou dormir devido ao mau cheiro.

O vereador Flávio Medina Neto contou que foi até o local e fez uma visita durante a noite. Ele diz ter ficado muito revoltado com a situação e cobrou providências urgentes do município. Chegou ao ponto de chamar o prefeito de o “Homem das Carniças”:

Flávio Medina Neto
slavmed_ete

O vereador Marcus Vinícius Rios Faria, líder do prefeito na Câmara Municipal, defendeu a atual administração. Ele lembrou que o problema da ETE foi herdado, pois a obra foi executada no governo passado. Frisou que é preciso cobrar providências, mas de forma efetiva:

Marcus Vinícius Rios Faria
marcvin_ete

O vereador Antônio Linhares Villaça disse que visitou a região por diversas vezes desde a época em que a Copasa gerenciava o sistema. Ele ressalta que a Concessionária Águas de Pará de Minas não pode se eximir da responsabilidade de sanar o problema:

Antônio Linhares Villaça
antvil_ete

O vereador Rodrigo Varela Franco, presidente da Comissão de Meio Ambiente, solicitou uma reunião com a direção da concessionária de água e esgoto. Ele convidou os demais colegas para apoiar na cobrança de providências:

Rodrigo Varela Franco
rodvar_ete

Entretanto, na semana passada o superintendente da empresa Águas de Pará de Minas, Thiago Contage Damaceno, já esteve no plenário do Poder Legislativo e explicou quais são as causas do mau cheiro na ETE.

Segundo ele, os esgotos industriais clandestinos que estão gerando o problema e a concessionária contratou uma empresa especializada de Campinas, interior do estado de São Paulo, para fazer uma pesquisa e apresentar as diretrizes a serem seguidas:

Thiago Contage Damaceno
thigctg_ete

A Estação de Tratamento de Esgoto foi construída pela Copasa e inaugurada pelo então governador de Minas Gerais, Antônio Augusto Anastasia. Os investimentos da estatal foram fruto de um acordo firmado com o Ministério Público.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE