Governo de MG vai zerar o ICMS do milho importado, afirma secretário da Agricultura

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

milho_grao
No fim do ano de 2015 o governo da presidente afastada, Dilma Rousseff (PT) vendeu boa parte do estoque regulador de milho e soja que estavam nos armazéns da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) com a promessa de estabilizar esse mercado específico de grãos.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Vale ressaltar que o Brasil é um dos maiores produtores de milho e soja do mundo. Ou seja, o volume de grãos sempre é grande para atender um dos setores mais fortes da economia brasileira – o agronegócio.

Porém, o grande problema é que a safra da soja e do milho não foi generosa devido às mudanças climáticas em determinadas regiões. Agora a matéria-prima está em falta e um grande problema está por vir.

De acordo com Eugênio Mendes Diniz, presidente do Sindicato Rural Patronal de Pará de Minas, o produtor rural terá que importar milho e soja para produzir, aves, suínos e leite.

O agravante é que o preço dos insumos está muito alto para importar e isso acaba tendo que ser repassado. Para o sindicalista, foi uma atitude totalmente irresponsável do governo e os produtores estão sendo muito prejudicados:

eugdin_ima
Eugênio Mendes Diniz
milhoeugeniodiniz

Mas o secretário de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento, João Cruz Reis Filho, informa que o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) será retirado para o milho importado.

Ele acredita que esta medida adotada pelo governo de Minas Gerais ajudará os produtores rurais neste momento delicado. O índice será praticamente zerado, o que amenizará os impactos das importações:

joao_cruz_dos_reis_filho150616
João Cruz Reis Filho
milhojoaocruz

A alta do milho e da soja deverá refletir no preço do leite, das carnes de boi e de porco. Mais uma vez o consumidor final é quem pagará a conta pelo desequilíbrio do mercado dos grãos no país.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!