Número de casos cai, mas trabalho de conscientização e combate a Dengue precisa continuar em Pará de Minas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


Nos últimos anos o município de Pará de Minas registrou índices elevadíssimos de infestação do mosquito Aedes aegypti, transmissor da Dengue, Febre Chikungunya e Zika Vírus.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Os dados foram obtidos durante o Levantamento de Índice Rápido do Aedes aegypti (LIRAa). O trabalho é realizado nos meses de janeiro, março de outubro e utiliza o critério de amostragem.

O objetivo é mapear as regiões da cidade que apresentam maior número de casos das doenças e a partir daí traçar estratégias de combate ao vetor. Com isso é possível evitar a ocorrência de uma epidemia.

Mesmo com previsões preocupantes para o ano de 2017, os índices de proliferação da dengue reduziram consideravelmente. A única forma de combater a doença é acabar com o Aedes aegypti.

De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, nos primeiros meses deste ano Pará de Minas notificou 337 casos de dengue. Sendo 54 positivos e 118 negativos. Ainda estão sendo aguardados os resultados de 165 exames encaminhados para a análise em laboratório.

De acordo com a enfermeira Maria de Lourdes Liguori, responsável pelo setor de Vigilância Epidemiológica do município, mesmo com a grande redução do número de pessoas acometidas pela doença, ainda ocorrem alguns casos:


Maria de Lourdes Liguori
denguemariadelourdesliguori1

Ela destaca a importância do trabalho de conscientização continuar sendo realizado nas escolas. Os agentes de endemias continuam visitando as residências e vistoriando possíveis criadouros do mosquito e orientando a população:

Maria de Lourdes Liguori
denguemariadelourdesliguori2

Nunca é demais lembrar que a participação da população é fundamental no trabalho de combate a Dengue. Todos os proprietários devem manter os imóveis limpos e sem recipientes que acumulam água parada.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!