Elias Diniz passa mal e é transferido às pressas para hospital em Belo Horizonte

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Na manhã desta segunda-feira, 18 de novembro, o prefeito Elias Diniz (PSD) estava reunido com o vice-prefeito Zezé Porfírio (PV) em seu gabinete. Enquanto ele assinava documentos começou passar mal. Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada às 10h12 e uma Unidade de Suporte Básico (USB) chegou ao local.

O prefeito foi levado até o estacionamento da Prefeitura e recebeu no local os primeiros atendimentos da equipe. Em seguida foi encaminhado ao Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC).


No hospital ele fez vários exames e o diagnóstico inicial é de um Acidente Vascular Cerebral (AVC). Isso acontece quando vasos que levam sangue ao cérebro entopem ou se rompem, o que provoca a paralisia da área cerebral que ficou sem circulação sanguínea.

Quanto mais rápido o diagnóstico e tratamento, maiores são as chances de recuperação sem deixar sequelas.


O Portal GRNEWS apurou que no hospital não havia nenhum neurocirurgião e nem vagas no Centro de Tratamento Intensivo (CTI). Casos como este necessitam, em sua maioria, de cirurgia e o paciente deve ser acompanhado no CTI.

Diante disso, o prefeito, que tem 51 anos, foi encaminhado do HNSC para o Hospital Felício Rocho em Belo Horizonte, por uma ambulância da Unimed Centro-Oeste. Um médico clínico geral acompanhou o paciente.


O hospital, localizado no bairro Barro Preto na capital mineira, é referência em neurocirúrgica há 60 anos, com destaque na Sociedade Brasileira de Neurocirurgia.

Na porta do HNSC, servidores municipais, familiares e amigos do prefeito acompanhavam a situação para saber notícias.

A assessoria de comunicação da Prefeitura aguarda o boletim médico do hospital em Belo Horizonte para informar a situação de Elias Diniz.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!