Força-tarefa combate mosquito transmissor da Dengue em bairros mais infestados de Pará de Minas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


A Secretaria Municipal de Saúde promove periodicamente o Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypt (LIRAa) cumprindo o que determina o Ministério da Saúde. O objetivo é verificar a situação de proliferação do mosquito transmissor da Dengue, Febre Chikungunya e Zika Vírus nos município brasileiros.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

A partir destes dados a Vigilância Epidemiológica traça as estratégias a serem adotadas para que não aconteça uma epidemia das doenças no município. A maioria dos focos do vetor está dentro das residências.

Por isso é indispensável à colaboração da população, limpando os quintais e tomando cuidado com vasos de plantas e vasilhames que acondicionam comida para animais domésticos como cães e gatos.

O Aedes aegypti reproduz em água parada e limpa e todos os utensílios podem ser utilizados como criadouros do inseto. Pará de Minas já enfrentou graves epidemias de Dengue no passado.

Na ocasião do racionamento de água muitos paraminenses adotaram a prática de armazenar água em caixas deixadas ao solo. Esse foi o grande agravante para a explosão do número de casos da doença.

De acordo com Adílson José Batista, gerente de Combate a Endemias, os dois bairros registraram os dois maiores índices de infestação do mosquito transmissor da Dengue no último levantamento realizado e por isso é imperativo que todos os moradores ajudem a eliminar os reservatórios de água parada:


Adílson José Batista
forcatarefaadilsonjosebatista1

O bairro Prefeito Walter Martins Ferreira registrou 23% e o Residencial Capanema 26%. Isso significa que a cada 100 residências, 23 de uma localidade e 26 de outra estão infestadas com o Aedes aegypti:

Adílson José Batista
forcatarefaadilsonjosebatista2

A força-tarefa de combate a Dengue será realizada nesta sexta-feira e no sábado, dias 18 e 19 de maio respectivamente. Todos os moradores dos bairros Prefeito Walter Martins Ferreira e Residencial Capanema devem colocar os materiais na porta de casa para que sejam recolhidos pelas equipes da prefeitura.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!