Uber inicia cadastro de interessados em dirigir para a empresa em Pará de Minas e mais três cidades mineiras

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Reprodução Youtube

Conseguir dinheiro ao toque de um botão. Essa é a praticidade que a Uber traz para as pessoas. A partir desta quinta-feira, 14 de junho, os interessados em dirigir como parceiros da Uber e gerar renda, seja como complemento ou como principal fonte, já podem se cadastrar AQUI. As cidades que estão com cadastro aberto são Pará de Minas, Itajubá, Lavras e Teófilo Otoni, conforme nota enviada ao Portal GRNEWS pela assessoria de comunicação da Uber.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Ser um motorista cadastrado na plataforma é ideal para quem busca independência no seu dia a dia, sendo seu próprio chefe e escolhendo seus horários. Hoje, já são mais de 500 mil motoristas parceiros que geram renda para si e suas famílias ao toque de um botão em todo o Brasil. Os interessados podem dirigir seus próprios carros, um carro de outra pessoa ou mesmo um veículo alugado. Saiba mais AQUI.

Região
Além das quatro novas cidades, a Uber iniciou operação recentemente em Pouso Alegre, Patos de Minas e Ubá, e está presente em mais de 100 cidades em todo Brasil.

Para se cadastrar
_ Acesse AQUI e faça o cadastro

_ Inclua sua CNH com observação Exerce Atividade Remunerada (EAR) – para conseguir essa observação basta procurar o posto do DETRAN mais próximo

_ Cadastre o CRLV de um veículo que cumpra os pré-requisitos, veja AQUI os mais aceitos, sendo 2008 ou mais novo, com 4 portas e Ar Condicionado). O carro pode ser inclusive alugado diretamente com as locadoras com valores a partir de R$ 1.300 por mês. Saiba mais acessando AQUI.

Segurança
A Uber se preocupa muito com a segurança. Para isso conta com tecnologia para auxiliar motoristas parceiros antes, durante e depois de cada viagem. Além disso os motoristas parceiros têm acesso ao suporte 24 horas e a uma cobertura de seguro APP, durante as viagens, para acidentes pessoais. Verificações de informações pessoais, como cartão de crédito ou débito e CPF dos usuários, são feitas para que o parceiro saiba com quem vai viajar.

Antes de cada viagem

Não há viagens anônimas: antes de iniciar qualquer viagem, todos os usuários da Uber devem necessariamente se cadastrar na plataforma. É necessário inserir cartão de crédito, débito ou CPF antes de ter acesso ao aplicativo.

Anonimização de telefones: A Uber utiliza a tecnologia para ocultar os números de telefone de usuários e motoristas, pois as informações de contato são confidenciais. Dessa forma, todas informações pessoais ficam protegidas mesmo quando o motorista entra em contato com os usuários.

Navegação no app: Quando o usuário indica o local de destino, o motorista recebe instruções detalhadas no app. Assim, pode se concentrar mais no trânsito e dirigir com mais cuidado.

Sempre no mapa: A Uber registra os dados de GPS de todas as viagens, ou seja, não existem viagens anônimas. Assim, a plataforma sabe com quem o motorista parceiro está viajando e onde está indo, o que incentiva a segurança e responsabilidade. Além disso, motoristas parceiros podem, com um toque na tela do celular, compartilhar a sua localização, em tempo real, com familiares – sempre respeitando a privacidade dos usuários.

Sistema de avaliações: O motorista avalia o usuário após cada viagem. O sistema da Uber mantém essas avaliações para que todos os usuários sejam tão educados quanto o motorista parceiro. Os usuários que forem denunciados por violarem os termos de serviço podem perder o acesso à plataforma da Uber.

Suporte 24 horas, todos os dias: Os parceiros contam também com uma equipe de suporte que analisa todos os incidentes reportados, caso a caso. Isso inclui um número de telefone 0800 para registrar casos de emergência e solicitar apoio da Uber depois que estiverem em segurança e tiverem contatado as autoridades competentes.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE