Ex-funcionários precisam de novas procurações para receber da massa falida da Cia. Industrial Belo Horizonte

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

sindicato_textil260917
Há muitos anos os ex-funcionários listados na massa falida da Companhia Industrial Belo Horizonte aguardam o pagamento do restante dos direitos trabalhistas. Um acerto de 60% dos valores já foi feito pela empresa.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Agora a Justiça do Trabalho em Belo Horizonte está solicitando novas procurações constando os dados dos ex-colaboradores da indústria. O processo pode estar chegando à fase final.

Porém, devido ao longo de tempo de espera a situação de cada trabalhador mudou. Alguns se casaram, outros divorciaram e com isso os nomes no registro civil foram alterados.

Tem ainda os casos de ex-funcionários que faleceram e o acerto será pago a herdeiros. Por isso é importante que os envolvidos nesse processo procurem o Sindicato Têxtil o mais rápido possível.

Todos deverão levar os documentos pessoais, principalmente a carteira de trabalho. Após a conferência de todos os dados atualizados o advogado da entidade irá redigir uma nova procuração que será usada no processo.

Segundo Neuler Ribeiro, presidente do Sindicato dos Trabalhadores nas Indústrias de Fiação e Tecelagem de Pará de Minas, a orientação de fazer novas procurações para os ex-funcionários foi dada pelo advogado que cuida do caso:

neuler_ribeiro160216
Neuler Ribeiro
acertociabhneulerribeiro1

O sindicalista ressalta que as procurações desatualizadas não possibilitarão o pagamento dos direitos trabalhistas. Ele informa que cerca de 400 ex-funcionários ainda não fizeram o novo documento:

Neuler Ribeiro
acertociabhneulerribeiro2

Como cada caso é um caso, é importante que os ex-funcionários da indústria têxtil busquem as respectivas informações para cumprirem com as devidas exigências legais. Dessa forma os direitos serão devidamente pagos dentro do processo.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!