Queda no preço, fiscalização severa e violência nas propriedades rurais, prejudicam produtores de leite

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


A crise econômica enfrentada pelo Brasil nos últimos anos continua dificultando a vida de muitos produtores de leite. São muitos os fatores que tem pesado na produção das propriedades rurais espalhadas pelo país.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Uma delas é a queda no preço pago pelo litro do produto. Outra preocupação tem sido a insegurança do mercado financeiro, os altos juros praticados pelos bancos e o reflexo da grave crise política instalada em Brasília.

A indústria de alimentos, especificamente os laticínios que utilizam o leite como principal matéria prima, vem reduzindo custos para conseguir se manter no mercado competitivo que existe.

Os mais de 13 milhões de desempregados só podem consumir o essencial e tudo isso gera um efeito em cadeia no agronegócio. Enquanto isso os políticos planejam a reeleição no pleito de 2018.

Na região de Pará de Minas os empresários do agronegócio se viram como podem para atenuar os efeitos da recessão econômica. Os produtores esperam ainda enxergar uma luz no fim do túnel.

O pecuarista de leite Milton Henriques Guimarães afirma que o ano tem sido muito desfavorável para o homem do campo. Entre os agravantes estão à falta de chuvas, a fiscalização pesada dos órgãos ambientais e a crescente violência na zona rural:


Milton Henriques Guimarães
produtormiltonhenriques1

Ele afirma que a maioria das pessoas não fica mais nas fazendas devido ao clima de insegurança. Além disso, os escândalos de corrupção no meio político tem sido uma grande vergonha para todos os brasileiros:

Milton Henriques Guimarães
produtormiltonhenriques2

A escassez de chuvas mais uma vez comprometeu a pastagem que é essencial para a alimentação do gado. Com isso o produtor opta por outras formas alternativas para evitar que a produção de leite seja afetada.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!