Comissões da Câmara analisam projeto que prevê compra de oito mil cestas básicas para famílias carentes

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Lançado em março deste ano, o Vida no Prato é um projeto da Prefeitura de Pará de Minas em parceria com vários órgãos. A população paraminense também pode ajudar a quem precisa doando alimentos não perecíveis.

A Prefeitura, como já adiantado pelo Portal GRNEWS, pretende comprar 8.070 cestas básicas, cujo investimento é de R$ 999.873,00. Para isso abriu uma licitação para adquirir os produtos.

Para esta compra, enviou à Câmara um projeto de lei pedindo autorização para adquirir os alimentos no valor de R$ 1,2 milhão. Porém, o projeto ainda não foi votado, nem há previsão de data, já que aguarda parecer das comissões.

Este é o mesmo valor que estaria guardado nos cofres do Município para adquirir vacinas contra a Covid-19. Inclusive um projeto de lei foi protocolado na Câmara e aprovado em março deste ano para este fim. Mas o prefeito Elias Diniz (PSD) voltou atrás na decisão após o Ministério da Saúde dizer que poderia confiscar os lotes adquiridos pelos municípios.

O valor, como já mostrado pelo Portal GRNEWS, não poderia ser utilizado para comprar cestas básicas se ele estava autorizado para adquirir vacinas. À época o presidente da Câmara Gladstone Correa Dias (PSDB) disse que a autorização deveria ser cancelada e novo projeto do Executivo deveria ser protocolado.

Agora, o presidente aguarda a votação do projeto e já adianta que fiscalizará a compra e a destinação das cestas:


Gladstone Correa Dias

gladstonecdprojetcest1

O projeto de lei pedindo autorização para adquirir os alimentos no valor de R$ 1,2 milhão aguarda pareceres das comissões e já possui três emendas sobre a concessão do benefício e como ele será feito.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!