Longevidade, doenças crônicas e automedicação provocam aumento dos casos de doenças renais

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


Nos últimos anos vem aumentando o número casos de doenças renais e as autoridades em saúde estão atentas e preocupadas com os dados estatísticos. Mas, também é importante a população buscar informações e adotar medidas preventivas.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

O rim trabalha a eliminação dos resíduos tóxicos produzidos pelo nosso organismo como a ureia e o ácido úrico. Ele tem a função de filtrar, limpar ou de depurar.

Exerce grande influência sobre a pressão arterial e venosa do organismo. Além disso, o órgão controla o volume dos líquidos. Portanto, qualquer excesso é eliminado pela urina e ocorre o chamado efeito diurético.


O rim pode ser atingido por doença de origem imunológica, inflamatória, infecciosa, neoplásica, degenerativa, congênita e hereditária. É importante observar a urina, seu volume, sua cor, seu cheiro e o jato ao expelir.

O nefrologista Roberto Kenedy de Oliveira, coordenador do Centro de Hemodiálise do Hospital Nossa Senhora da Conceição em Pará de Minas, explica que a longevidade da população, o controle de doenças crônicas e uso de medicamentos sem orientação médica tem provocado o aumento nas doenças renais:


Roberto Kenedy de Oliveira
doencasrenaisrobertokenedy1

O especialista informa que a previsão era de um aumento de aproximadamente 10% no número de pacientes com doenças dos rins a cada ano. Enquanto isso tem acontecido uma redução dos serviços de saúde nesta área:

Roberto Kenedy de Oliveira
doencasrenaisrobertokenedy2

Para combater as doenças que podem acometer os rins é recomendado realizar anualmente um exame de urina. Também manter uma boa hidratação, cuidar da alimentação e evitar o consumo excessivo de sal:

Roberto Kenedy de Oliveira
doencasrenaisrobertokenedy3

É importante observar a cor e se está sendo expelida muita espuma na urina. Pessoas com histórico familiar de problemas renais também redobrar a atenção e sempre é importante consultar um médico e fazer exames.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!