População deve rezar para que MG não sofra um colapso financeiro como o RS e o RJ, pede deputado

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

ldo_dinheiro_notas
A grave crise financeira enfrentada pelos estados vem preocupando as lideranças políticas. O presidente da República, Michel Temer (PMDB-SP) se reuniu com os governadores para traçar um acordo de repasses de verbas.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Os recursos são do processo de repatriação e poderão reforçar os caixas do poder público. Porém, em troca a União pede o apoio nas votações das reformas que serão votadas pelo Congresso Nacional.

Entre as propostas estão a Proposta de Emenda Constitucional 55, a qual está tramitando no Senado Federal e dispõe sobre o limite dos gastos públicos durante os próximos 20 anos. As medidas são austeras e consideradas necessárias pelos especialistas.

Outra matéria complexa será a reforma da Previdência Social. O objetivo é conter os déficits milionários para evitar uma quebradeira geral a consequente falta de condições para pagar até mesmo os aposentados brasileiros.

Nos estados do Rio de Janeiro e do Rio Grande do Sul a situação atual é ainda mais crítica. O governo gaúcho já decretou estado de calamidade financeira e o pagamento de servidores públicos estaduais está sendo pago em parcelas.

No caso do governo fluminense o caos está instalado, pois o sistema de saúde e o pagamento do funcionalismo público estadual estão comprometidos. A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (ALERJ) vota um pacote de medidas que prevê aumento da contribuição previdenciária, entre outras medidas.

O deputado estadual Inácio Franco (PV) vem acompanhando a situação difícil enfrentada pelos estados brasileiros, especialmente Minas Gerais. Ele não vê boas perspectivas e avalia que o governador Fernando Pimentel (PT) está mais empenhado em se defender de uma ação criminal que está no Supremo Tribunal Federal (STF):

inacio_franco021216
Inácio Franco
crisenmginaciofranco1

O parlamentar não acredita que em 2017 o estado conseguirá equilibrar as contas públicas. Ele ressalta que até o momento ainda não viu nenhuma grande obra e pede a todos que rezem para que Minas Gerais não fique como o Rio de Janeiro e o Rio Grande do Sul:

Inácio Franco
crisenmginaciofranco2

A Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) recebeu o processo do STF contra Fernando Pimentel e optou por devolver a matéria ao Poder Judiciário. Os deputados estaduais entenderam que tratar disso é competência dos ministros da Suprema Corte.

A situação do Estado de Minas Gerais é tão crítica que na noite de segunda (5), o governador Fernando Pimentel enviou mensagem à Assembleia Legislativa de Minas Gerais decretando calamidade financeira em MG. Falta apenas o aval dos deputados mineiros.

Atualizada em 06/12/2016 as 10 horas.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!