Mesmo com salários atrasados, médicos continuarão atendendo no HNSC e dialogando em busca de solução

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

reuniao_medicos_hnsc010816
No fim da tarde da segunda-feira, 1º de agosto, o Portal GRNEWS publicou a informação repassada pelo médico Paulo Lobato Menezes e confirmando que no início da noite desta terça (2), os médicos que atendem no Hospital Nossa Senhora da Conceição (HNSC) poderiam paralisar os atendimentos por falta de pagamento.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

A notícia não foi bem aceita pela população de Pará de Minas. Muitos reclamaram do atendimento do setor de saúde no município e lamentaram que o único hospital do município não encontra alternativas para sair da crise financeira.

Na mesma reportagem, o médico Paulo Lobato Menezes, que também é diretor do HNSC, disse que a diretoria da entidade não é culpada pela situação. Para ele os órgãos públicos deveriam dar mais apoio ao hospital, que conta com muitos plantões, mas pouco dinheiro.

Assim, a conta não fecha e há vários meses os médicos que atendem no Hospital Nossa Senhora da Conceição estão com seus salários atrasados. Como a insatisfação dos profissionais é grande, o diretor Técnico-Médico do HNSC, Evandro Ferreira Campos, emitiu uma circular convocando os colegas para um encontro nesta terça.

A reunião entre os médicos que atendem no HNSC foi realizada no início da noite desta terça-feira, no Salão Nobre do Hospital Nossa Senhora da Conceição. Na pauta de discussões a paralisação das atividades médicas no HNSC, devido a falta de pagamento.

Após a conversa, o diretor Clínico do HNSC, Evandro Ferreira Campos, conversou com a reportagem do Portal GRNEWS e falou que o dinheiro destinado ao pagamento dos médicos está sendo utilizado para pagar outros funcionários e fornecedores do HNSC. Sem receber seus pagamentos há vários meses a situação dos médicos está ficando insustentável

Evandro Ferreira Campos
drevandroferreiracampos1

evandro_ferreira_campos010816
O médico aponta outro problema que afeta a classe médica. De acordo com o Dr. Evandro Ferreira Campos todo procedimento médico que está sendo realizado no HNSC, a diretoria está retendo para ajuda no custeio da entidade:

Evandro Ferreira Campos
drevandroferreiracampos3

Com salários atrasados e escalonados, Dr. Evandro Ferreira Campos afirma que se o profissional estiver no hospital e chegar um paciente precisando de uma cirurgia urgente, o médico realizará o procedimento, mas não sabe quando receberá pelo seu serviço:

Evandro Ferreira Campos
drevandroferreiracampos4

Dr. Evandro Ferreira Campos argumenta que o próximo passo será conversar com o Sindicato dos Médicos de Minas Gerais nesta quarta (3) para marcar uma reunião e discutir a situação dos profissionais que atuam no Hospital Nossa Senhora da Conceição:

Evandro Ferreira Campos
drevandroferreiracampos2

Apesar de a convocação enviada aos médicos ser clara e objetiva indicando que a reunião desta terça (3) seria para discutir a paralisação das atividades médicas no Hospital Nossa Senhora da Conceição, a boa notícia repassada por Dr. Evandro Ferreira Campos, mesmo que momentânea, é que os médicos não pretendem paralisar suas atividades e continuarão dialogando para tentar receber os salários a que eles têm direito por serviços prestados.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!