SOS Bichinho organiza a vinda de “castramóvel” para esterilizar 180 animais em Pará de Minas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp


Há alguns anos os membros da Organização Não Governamental (ONG) SOS Bichinho realiza um trabalho voluntário de castração de cães e gatos em Pará de Minas com o objetivo de promover o controle da população de animais.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Muitas pessoas desinformadas cuidam de cães e gatos e não tomam os devidos cuidados para que as espécies se reproduzam em grande escala, gerando um grave problema de abandono de animais pelas ruas.

A falta de cuidados acaba contribuindo para o sofrimento, principalmente de cachorros e cadelas, que ficam perambulando pela cidade a procura de alimento e abrigo. O pior é que eles se transformam em hospedeiros de doenças, entre elas a leishmaniose.

A SOS Bichinho está negociando mais uma ação em Pará de Minas com utilização do chamado “castramóvel”. Trata-se de um veículo que dispõe de uma sala de cirurgia toda equipada para a castração.

Ele ficará durante três dias na cidade e a expectativa é de que sejam castrados entre 150 e 180 animais. Os cães e gatos já fazem parte de uma lista da ONG que aguardam o procedimento cirúrgico.

A prioridade é castrar as fêmeas para evitar uma superpopulação de cachorros e gatos nas ruas da cidade. A data da vinda do “castramóvel” ainda será acertada com o deputado estadual Noraldino Júnior (PSC), responsável pelo projeto.

O médico-veterinário Idael Christiano de Almeida Santa Rosa, coordenador técnico da SOS Bichinho, afirma que o número de esterilizações ainda é insuficiente diante da demanda:


Idael Christiano de Almeida Santa Rosa
castramovelidaelsantarosa1

Ele ressalta que existem muitos animais soltos pelas ruas e que estão procriando discriminadamente. Um dos fatores que contribui para a superpopulação é alimentar os cães e gatos sem castrá-los:

Idael Christiano de Almeida Santa Rosa
castramovelidaelsantarosa2

No ano passado o município assinou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) junto ao Ministério Público Estadual (MPE) assumindo o compromisso de construir uma sala de castração de animais em Pará de Minas. Porém, a gestão passada não cumpriu o acordo firmado com a Promotoria de Justiça.

A expectativa é de que o prefeito Elias Diniz (PSD) cumpra o que ficou acordado entre o poder público municipal e o MPE. Mais uma questão que deverá ser tratada pela atual administração.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!