Antônio Júlio se licencia da AMM e revela que não deverá reassumir a entidade

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

antjul_mnfst
Com a aproximação do período eleitoral, os pré-candidatos aos cargos de prefeito e vereadores começam a se mobilizar para definir as coligações para a disputa que acontecerá em outubro deste ano.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Segundo a lei eleitoral, os que ocupam cargos públicos devem se afastar de algumas funções para participar do pleito. Esse princípio legal visa garantir a igualdade na disputa acirrada que acontece durante as eleições.

A partir desta quarta-feira (01), o prefeito de Pará de Minas, Antônio Júlio de Faria, está se licenciando da presidência da Associação Mineira de Municípios (AMM) para concorrer à reeleição.

O gestor público afirma que a legislação obriga o afastamento a quatro meses das eleições. Ele explica que ainda não está definido o novo presidente porque alguns membros da diretoria também participarão da disputa:

Antônio Júlio de Faria
antjul_ammlc1

Antônio Júlio de Faria informou ainda que o estatuto da AMM foi alterado e possibilita sua volta a presidência da entidade após as eleições. Entretanto, ele revela que não deverá reassumir a instituição:

Antônio Júlio de Faria
antjul_ammlc2

A Associação Mineira de Municípios faz parte de um movimento municipalista que envolve centenas de prefeituras do estado de Minas Gerais. A AMM funciona em Belo Horizonte e foi criada há 64 anos.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!