Números de casos suspeitos de Dengue crescem em Pará de Minas e região

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

parademinas_cidade
Assim como em todo o país, cresceu consideravelmente os números de pessoas vítimas do mosquito transmissor da Dengue em Pará de Minas e nas cidades da região. A informação é do Consórcio Intermunicipal de Saúde do Alto Rio Pará – Cispará.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Isso vem ocorrendo por causa deste período do ano em que as chuvas intercaladas com o sol forte propiciam o ambiente ideal para a reprodução do mosquito Aedes aegypti.

O maior problema são os recipientes que são usados pelo inseto como criadouros de larvas. A falta de cuidados dentro de empresas e residências tem contribuído para a proliferação das doenças.

Cidades como Itaúna, Bom Despacho e Igaratinga, também registram alto índice de infestação de Dengue. Na maioria dos casos também utilizam o veículo que espalha no ar o fumacê pesado.

Henrique Lopes Flores, assessor técnico do Cispará, afirma que nos municípios de São José da Varginha e Cláudio, o inseticida vem diminuindo o número de casos nos últimos dias e o trabalho continua intenso:

Henrique Lopes Flores
henrflrs_dgreg1

A Dengue, a Febre Chikungunya e o Zika Vírus tem um alto nível de transmissibilidade por causa do trânsito de pessoas. Os infectados podem levar e trazer novos sorotipos que não estavam presentes nos municípios:

Henrique Lopes Flores
henrflrs_dgreg2

Nas cidades da região Centro-Oeste de Minas Gerais o grande problema tem sido os lotes sujos e as casas abandonadas. Esses locais apresentam muitos reservatórios de água parada e o desafio é eliminá-los:

Henrique Lopes Flores
henrflrs_dgreg3

A cidade de Bom Despacho também vem enfrentando falta d’água e a grande preocupação é com os reservatórios nos quintais das residências. A população precisa colaborar com o esvaziamento gradual dos reservatórios de água, limpar semanalmente os recipientes e mantê-los tampados.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!