Troca de experiências e ajuda especializada são ferramentas importantes no combate ao tabagismo

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

cigarro_tabaco_fumo
O Dia Nacional de Combate ao Fumo foi lembrado nesta segunda, 29 de agosto. A data foi instituída em 1986 pela lei 7488 com o objetivo de conscientizar e mobilizar a população sobre os riscos do uso do cigarro.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

De acordo com a Organização Mundial de Saúde (OMS), o tabagismo é a principal causa de morte evitável no planeta, sendo considerado, portanto, um problema de saúde pública.

Estima-se que cerca de 200 mil pessoas morram todo o ano no Brasil em decorrência do fumo. Essa estatística mostra a grande necessidade de promover campanhas e ações voltadas ao combate ao fumo.

Desde o ano de 2010 a Secretaria Municipal de Saúde de Pará de Minas participa ativamente do Programa Nacional de Controle ao Tabagismo (PNCT). O objetivo é reduzir a prevalência de fumantes e a consequente mortalidade relacionada ao consumo de derivados do tabaco.

O modelo propõe ações educativas para prevenir a iniciação do tabagismo, promover a cessação de fumar e proteger a população da exposição à fumaça ambiental do tabaco. Para isso são formados grupos de combate ao vício.

No primeiro primeiro mês os encontros acontecem uma vez por semana. A partir do segundo mês as reuniões passam a ser realizadas a cada 15 dias e depois de um ano os grupos se reúnem uma vez ao mês.

As reuniões contam com a participação de psicólogos, médicos e enfermeiros que auxiliam os fumantes em todo o processo. Juliana Resende da Fonseca, referência técnica em promoção da Saúde, informa que o município tem registrado bons resultados e experiências exitosas:

juliana_resende _da_fonseca290816
Juliana Resende da Fonseca
combateaotabagismojulianaresendedafonseca1

Sobre as dificuldades enfrentadas pelos viciados em tabagismo, ela explica que a equipe de profissionais de saúde acompanha cada caso e orienta o tratamento adequado para que a pessoa possa parar de fumar:

Juliana Resende da Fonseca
combateaotabagismojulianaresendedafonseca2

Em Pará de Minas foram formados vinte grupos e atualmente quatro estão em atividade. Para participar os interessados devem procurar a Unidade Básica de Saúde de Saúde mais próxima de sua residência e se inscrever em um dos grupos e participar do Programa Nacional de Controle ao Tabagismo (PNCT).

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!