CCZ de Pará de Minas enfatiza importância da luta contra o mosquito transmissor da Leishmaniose

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

cao_cachorro_teste_leishmaniose100816
Em abril de 2012 a então presidente da República Dilma Rousseff (PT), hoje afastada do cargo sofrendo processo de impeachment, sancionou a Lei Federal 12.604, de autoria do senador Inácio Arruda (PCdoB-CE), que institui a Semana Nacional de Combate e Controle à Leishmaniose.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

A data é lembrada anualmente na semana que inclui o dia 10 de agosto. Trata-se de uma homenagem ao médico sanitarista e cientista Evandro Lobo Chagas. Ele nasceu neste dia e promoveu diversos estudos importantes.

O especialista pesquisou sobre febre amarela, malária e principalmente a leishmaniose. O objetivo da data comemorativa é estimular ações educativas e preventivas, promover debates e políticas públicas de vigilância sanitária.

A Leishmaniose é uma patologia causada através de uma infecção vinda de protozoários do gênero Leishmania. Eles se espalham através da picada de mosquitos palha ou birigui.

A zoonose pode é transmitida depois que o inseto pica um cão doente e depois pica um animal saudável. A doença também pode ser transmitida para os seres humanos e por isso é importante tratar os animais.

As formas mais comuns da doença são: a cutânea, que causa feridas na pele, e a visceral, que afeta alguns órgãos internos da pessoa, entre eles o fígado, a medula óssea e o baço.

carlos_magno_barbosa_diniz100816
O médico-veterinário do Centro de Controle de Zoonoses São Francisco de Assis, localizado no bairro João Paulo II, em Pará de Minas, Carlos Magno Barbosa Diniz explica que o ideal para diagnosticar a Leishmaniose nos animais é através de exames laboratoriais. Porém, existem alguns sintomas que levantam a suspeita sobre a doença:

Carlos Magno Barbosa Diniz
leishmaniosecarlosmagnobdiniz1

Quanto à vacina contra a doença, o médico-veterinário afirma que não existe eficácia comprovada. Por isso é importante combater os mosquitos transmissores da enfermidade por limpar bem os quintais e eliminar toda matéria orgânica:

Carlos Magno Barbosa Diniz
leishmaniosecarlosmagnobdiniz2

O Brasil é o único país do mundo que tem como método de controle da doença a política de matança de todos os animais infectados. O procedimento é previsto em lei.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!