Prédio não está sendo conservado como deveria e prefeitura retoma Estação do Pará Cine Café

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O prédio da Estação do Pará Cine Café é tombado pelo Conselho Deliberativo do Patrimônio Cultural de Pará de Minas. A antiga estação ferroviária dó município foi construída em 1913 por Amadeo Celso Grassi, após a inauguração no ano anterior do Ramal do Pará.

A obra sólida foi considerada uma das melhores de todo o Oeste de Minas Gerais. O prédio da estação ferroviária foi por muitas décadas a porta de entrada para o progresso conforme perpetuaram em cartilha os membros do conselho.

Relatam ainda que notícias do Brasil e do mundo chegavam a Pará de Minas através das correspondências, jornais e revistas, numa época sem rádio e sem televisão.

Acrescentam que pela estação também chegavam produtos de necessidade da população e saíam às exportações. Através dela, o povo de Pará de Minas recebeu gente ilustre e viu partir e retornar amigos e familiares. A estação era um dos lugares mais movimentados da cidade.


No ano de 1988, Ramal do Pará foi desativado. Sete anos depois, a prefeitura conseguiu a cessão total do prédio para a municipalidade.

O prédio foi tombado pelo Patrimônio Cultural Municipal em 1998 e adquirido pela prefeitura em 1999. Após ter sido restaurado, adequado e transformado em espaço cultural, foi reinaugurado em novembro do ano 2000 como Estação do Pará Cine Café.

Posteriormente o prédio passou por outra reforma que durou quatro meses e foi reinaugurado no dia 26 de março de 2014. No espaço que até o início de 2013 funcionava uma casa de shows e um cinema, foi assumido por novos diretores com uma proposta cultural.

Após a reforma e com base no projeto arquitetônico, o prédio passou ter a capacidade de receber um público de até 436 pessoas na casa de shows e no cinema a capacidade é de 76 pessoas.

Desde então a Estação do Pará Cine Café foi palco de shows, lançamentos de livros e outros eventos culturais, além dos filmes apresentados na sala de cinema. De lá para cá também passou por várias direções e agora chega ao fim mais um ciclo.

O secretário municipal de Cultura e Comunicação Institucional Paulo Duarte informa que foi firmado perante representantes do Ministério Público de Minas Gerais (MPMG) na Comarca de Pará de Minas, um acordo entre o município, que está reassumindo o prédio, e os responsáveis pela concessão.

Cita que em análise feita no contrato de concessão uma das cláusulas mais importantes era a que prevê a conservação e preservação do prédio da Estação do Pará Cine Café, que é tombado pelo Conselho do Patrimônio Cultural, e que não estava sendo cumprida. Por isso, o município agiu para reaver o prédio:


Paulo Duarte
pauloduartecinecafe1

A equipe da Secretaria Municipal de Cultura e Comunicação Institucional ainda não elaborou um projeto definitivo de utilização do prédio da Estação do Pará Cine Café, que a princípio será utilizado como espaço multiuso para fins culturais:

Paulo Duarte
pauloduartecinecafe2

A Secretaria Municipal de Cultura e Comunicação Institucional já pensa em levar alguns projetos para local como Cine Cultura que é desenvolvido no Teatro Municipal Geraldina Campos de Almeida passará para a sala de cinema do Cine Café. Outro fator que está sendo considerada a inauguração de novas salas de cinema em Pará de Minas previstas para julho de 2019:

Paulo Duarte
pauloduartecinecafe3

Conforme o Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) firmado junto ao Ministério Público de Minas Gerais a concessão expira em 31 de janeiro de 2019. A partir desta ata o prédio retorna para o município e fica sob responsabilidade da Secretaria Municipal de Cultura.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!