Nova ponte na rua Dr. Celso Charuri será para os próximos 100 anos, diz secretário

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

As chuvas intensas em Pará de Minas nos últimos meses causaram transtornos a muitas pessoas, mas felizmente, os danos são apenas materiais. No dia 24 de janeiro, choveu mais de 110mm na cidade, alagando ruas, muita água invadindo empresas e residências, deslizamento de terra em rodovias, e famílias saindo de casa por riscos de desabamento.

A situação na cidade ficou tão crítica que o Município decretou Situação de Emergência por causa das chuvas.

Ainda no dia 24 de janeiro, a rua Dr. Celso Charuri, no bairro Senador Valadares, teve que ser interditada. É que em um trecho da via, passa embaixo o córrego Água Limpa. Com o volume de água, os tubos ármicos não suportaram a pressão, e para evitar uma tragédia o trecho foi fechado.

Dias depois, na madrugada de 17 de fevereiro, choveu forte na cidade e a rua cedeu, ficando intransitável. Agora, só uma grande obra para reabrir a rua.

Como foi decretada situação de emergência no município, a Prefeitura tem autonomia para iniciar a obra sem passar por todos os trâmites burocráticos e que atrasam qualquer atividade pública.

Após um estudo no local, foi definido que somente uma nova ponte, feita em concreto armado e metal, conseguirá resolver de vez o problema.

A nova ponte será construída com 17 metros de largura, 10 metros de comprimento e três de altura. Estas medidas vão suportar volumes grandes de água da chuva, como explica o secretário Municipal de Desenvolvimento Urbano Dimitri Gonçalves:

Dimitri Gonçalves
dimitrigoncacardh1


A obra terá início na segunda-feira, 2 de março, e custará ao Município R$ 500 mil. Como o Portal GRNEWS havia antecipado, a S3 Construtora, a mesma que construiu a ponte da rua Cardeal Hugolino, será a empreiteira responsável pela obra da rua Dr. Celso Charuri.

Segundo Dimitri Gonçalves, como a empresa já estava na cidade, ofereceu um valor abaixo dos outros orçamentos realizados pela Secretaria:

Dimitri Gonçalves
dimitrigoncacardh2

Com o trecho interditado, os condutores estão usando as ruas Alemanha e Áustria para desviar. Estas vias também serão avaliadas pela Secretaria, já que há uma ponte de madeira em uma delas e pode haver riscos caso o trânsito seja intenso e pesado:

Dimitri Gonçalves
dimitrigoncacardh3

A primeira semana de trabalho deve ser para montagem do canteiro de obras, assinatura de contratos e marcações de áreas. A construção da ponte deve ter início na segunda quinzena de março.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!