MG compra duas aeronaves equipadas com UTI para acelerar transporte de pacientes e insumos

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Governo de Minas Gerais adquiriu duas aeronaves para atendimento dedicado às demandas operacionais da Secretaria de Estado de Saúde (SES-MG) e do Corpo de Bombeiros Militar de Minas Gerais (CBMMG), como os transportes pré e inter-hospitalar de pacientes, transporte de órgãos e tecidos humanos para transplantes e distribuição de insumos de saúde.

Com investimento de 7,5 milhões de dólares, os dois aviões Cessna, modelo Grand Caravan C208 EX, são equipados com kit aeromédico e, portanto, podem ser qualificados como uma UTI aérea.

“Este é um importante reforço para o Estado e que vai ajudar muito a saúde pública. Este avião é muito moderno, um dos poucos do Brasil com essa tecnologia avançada, com capacidade de transporte de até dois pacientes deitados, assistidos por médico e enfermeiro, ou de até dez passageiros a bordo”, destaca o secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti.

​Os aviões também serão utilizados em ações de proteção e defesa civil realizadas por CBMMG e SES-MG, dando suporte à Força Estadual de Saúde, conforme explica a major do CBMMG, Karla Lessa Leal. “A compra dessas aeronaves teve cada detalhe pensado e especificado tecnicamente por especialistas da área. Do ponto de vista operacional, eles serão fundamentais nas operações de combate a epidemias, catástrofes e eventos graves”, afirma.

Estreia
O transporte aéreo tem contribuído com a agilidade e segurança sanitária na maior operação de vacinação da história de Minas Gerais, no enfrentamento à pandemia. Na quinta-feira (29/7), a aeronave Arcanjo 09, em sua primeira missão, transportou parte das doses de vacinas contra covid-19 e influenza para Unidades Regionais de Saúde (URSs) do estado. O voo foi operado pelo CBMMG e, os imunizantes, distribuídos para Patos de Minas, Unaí e Teófilo Otoni.

Legado
Como estado brasileiro com o maior número de municípios, Minas Gerais apresenta o desafio de atender às necessidades de cada cidade. E, para isso, o Governo do Estado tem investido em ações e aquisições estratégicas que atenderão tanto às demandas urgentes relacionadas à pandemia, quanto àquelas que fazem parte da rotina dos serviços de saúde.

As aeronaves atenderão o Suporte Aéreo Avanço de Vida (SAAV-MG). O projeto, que compõe a rede de urgência e emergência, foi criado em 2012, por meio de parceria envolvendo a SES-MG, o CBMMG e Serviços de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), visando à oferta de atendimento aeromédico com redução do tempo resposta, além de mais eficiência e qualidade dos serviços prestados aos mineiros. Com Agência Minas

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!