Três condenados em BH por homicídio duplamente qualificado e associação para o tráfico de drogas

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Foram condenados, no fim da noite de ontem (28/10), por homicídio duplamente qualificado e associação qualificada para o tráfico de drogas, três dos quatro acusados pela morte de A.M.R., ocorrida em julho de 2018. O júri começou pela manhã, no 2º Tribunal do Júri de Belo Horizonte.

O Conselho de Sentença formado por quatro mulheres e três homens acolheu a tese do Ministério Público, que acusou o trio do crime, motivado por tráfico de drogas na região do Morro das Pedras, em Belo Horizonte. Em função disso, eles foram condenados ainda por associação qualificada para o tráfico de drogas.

O juiz Ricardo Sávio de Oliveira estipulou as penas em 19 anos e seis meses para os réus M.V.S.M e P.H.F.R, com idades entre 30 e 28 anos respectivamente. Já A.L.M.S. foi condenado a uma pena de 17 anos e seis meses. O Conselho de Sentença acolheu ainda o pedido do próprio Ministério Público, para que absolvesse o quarto acusado, P.F.C.C, uma vez que não foram encontrados elementos para comprovar a participação dele no crime. Com informações da Assessoria de Comunicação Institucional do TJMG

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!