UFPB continua líder em depósitos de patentes

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Instituto Nacional da Propriedade Industrial (Inpi) anunciou, ontem (28), quem são os campeões em pedidos de patentes no país. O ranking é referente a 2019, e aponta, entre as instituições nacionais, a Universidade Federal da Paraíba (UFPB) como a líder em depósitos de patentes.

Dos 20 maiores depositantes residentes, 17 são universidades públicas, além de Petrobras (5° lugar), CNH Industrial Brasil (7°) e Robert Bosch (12°). Dentre os não residentes, o destaque é a empresa de tecnologia Qualcomm.

Pelo segundo ano consecutivo, a UFPB ficou em primeiro lugar, com 100 pedidos de patentes, seguida pela Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), também da Paraíba. A Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) subiu do sétimo lugar, em 2018, para a terceira posição em 2019, passando de 38 para 88 depósitos, com crescimento de 132%. Já a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) caiu da terceira para a quarta posição, seguida da Petrobras, que desceu do quarto para o quinto lugar na comparação com o ano anterior.

Dentre os depositantes de patentes não residentes, a Qualcomm manteve em 2019 a liderança, mas registrou queda de 27% no número de depósitos. Em contrapartida, a Huawei (empresa de equipamentos para redes e telecomunicaçõe) foi para o 2° lugar, com crescimento de 95% em relação a 2018.

O ranking completo do depósito de patentes em 2018 e 2019 pode ser acessado AQUI na página do Inpi. Com Agência Brasil

PUBLICIDADE
Don`t copy text!