Cuca alega questões familiares e deixa o comando técnico do Galo; Jorge Jesus é cotado para assumir

O técnico Cuca, que conquistou o Triplete Alvinegro, neste ano de 2021 com as conquistas do Campeonato Mineiro, Brasileirão e Copa do Brasil, deixou o comando técnico do Atlético. A notícia foi divulgada primeiro pela rádio Itatiaia.

Ele se reuniu virtualmente com o presidente Sérgio Coelho, o executivo Rodrigo Caetano e com os quatro Rs, Rubens Menin, Rafael Menin, Ricardo Guimarães e Renato Salvador para comunicar a decisão. Cuca alegou questões familiares e se comprometeu a não assumir nenhum clube brasileiro em 2022.

Cuca repetiu o que fez em 2013 quando conquistou a Libertadores pelo Galo. Antes da disputa do Mundial de Clubes da Fifa no Marrocos, ele já havia acertado sua transferência para o futebol chinês. Desta vez após ganhar quase tudo que disputou, perdendo a penas a Libertadores, competição em que o Galo saiu invicto, ele decide deixar o Galo novamente. O modo de agir é o mesmo, só mudou o motivo.

Além das questões familiares, pode ser que Cuca resolveu sair por cima de olho no cargo de técnico da Seleção Brasileira, caso o ciclo de Tite neste cargo seja encerrado após a Copa do Mundo do Catar que será disputado a partir de novembro de 2022.

Informações indicam que a cúpula do Galo não foi surpreendida com a decisão, que já era esperada porque o técnico não estava participando do planejamento para o ano que vem. Imediatamente após o anúncio da saída de Cuca, começaram surgir nomes de possíveis técnicos para a assumir o Galo, como Jorge Jesus, Marcelo Gallardo, Juan Pablo Voyvoda e Sebastian Beccacece.

Porém, o nome que surge como favorito é o de Jorge de Jesus, que não apareceu para treinar o Benfica nesta manhã de terça-feira (22), às vésperas do jogo contra o Porto que será disputado na quinta-feira (30).

Como Jorge Jesus tem bom relacionamento com a cúpula do Galo, inclusive esteve no Independência em 2019, como possibilidade de assumir o Galo naquela época. Na oportunidade ele assistiu a partida entre Galo e Flamengo. Como não deu negócio com o time mineiro, ele foi para o Flamengo se sagrando multicampeão, antes de deixar o clube carioca para assumir o Benfica.

Recentemente, diretores do Flamengo foram para Lisboa na tentativa de trazer de volta Jorge Jesus. Entretanto, o português não deu nenhuma esperança aos flamenguistas e sequer pediu para esperar o jogo de quinta (30) contra o Porto, pois, caso perdesse novamente poderia sair do clube lisboeta.

Como a cúpula do Galo já sabia da provável saída de Cuca, pode ser que tem feito contato anterior com Jorge Jesus e por isso ele se negou a voltar ao Flamengo. Quem defende esta teoria apresenta como argumento o fato de logo após Cuca sair do Galo, Jorge Jesus não treinou o time nesta terça (28), às vésperas de clássico importantíssimo, e a imprensa portuguesa já dá como certa a saída de Jorge Jesus do Benfica. Também apontam que o Galo pode ser o destino do mister.

Agora é esperar para saber quais serão os movimentos da diretoria atleticana para contratar um novo técnico para comandar a equipe em 2022. Será que Jesus está voltando?

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!