Petrobras trabalha para desinterditar Refinaria de Paulínia

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Rovena Rosa/Agência Brasil

A Petrobras informou ontem (27) que está providenciando documentos e informações requeridos pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) para comprovar as condições de segurança adequadas para a retomada das operações das unidades da Refinaria de Paulínia (Replan), que não foram afetadas pelo incêndio do último dia 20.

Segundo o comunicado, a Petrobras aguardará a desinterdição das instalações por parte da agência, “mantendo a perspectiva de início do processo produtivo para os próximos dias”, uma vez que já estava tomando medidas similares às solicitadas pela agência reguladora.

Na última sexta-feira (24), a ANP entrou com uma medida cautelar de interdição parcial da Replan, mantendo liberadas apenas as operações de utilidades, tancagem e entrega de produtos. Segundo a ANP, a medida teve como finalidade garantir a segurança operacional das instalações e evitar novos acidentes, diante da possível retomada da operação das unidades da refinaria que não foram afetadas no acidente. Com Agência Brasil

PUBLICIDADE