Implantada rede de coleta de lixo eletrônico em São Paulo

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Escritório de Turismo de Mônaco está patrocinando uma iniciativa inédita na América Latina que irá instalar pontos de coleta de lixo eletrônico na cidade de São Paulo. O projeto foi desenvolvido pelo Movimento Greenk, criado para conscientizar e mobilizar a sociedade para o descarte correto de lixo eletrônico. A implementação dos 15 pontos acontecerá a partir de março de 2018. Os coletores serão posicionados em parques e locais públicos, definidos em conjunto com a prefeitura, visando facilitar e incentivar o descarte correto de e-lixo, além de conscientizar a população sobre a importância de se desfazer de materiais eletrônicos minimizando danos ao meio ambiente.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

O apoio à iniciativa faz parte do posicionamento do Escritório de Turismo de Mônaco, que promove projetos com causas socioambientais e defende o turismo responsável. De acordo com Gisele Abrahão, diretora da GVA, empresa de marketing e comunicação do Escritório de Turismo de Mônaco no Brasil. “Mônaco é ainda muito associado a um turismo exclusivamente de luxo. No entanto, o principado tem muitas outras faces que as pessoas desconhecem. O país está investindo cada vez mais em iniciativas sustentáveis e tanto instituições governamentais como empresas privadas estão criando campanhas de conscientização e promovendo projetos que tenham como foco a proteção do meio ambiente e o desenvolvimento de sociedades marginalizadas. E por ser um país tão engajado ambientalmente, o escritório de turismo está apoiando esta iniciativa inédita em São Paulo que vai fazer a diferença no futuro da cidade e do planeta”.

O Brasil produz cerca de 1,5 milhão de toneladas de lixo eletrônico anualmente, o que o torna campeão em produção de e-lixo na América Latina. No entanto, o descarte correto é feito apenas para 3% deste material. Com a iniciativa, os paulistanos poderão se desfazer de equipamentos eletrônicos antigos ou que não funcionem mais, como computadores, tablets, celulares, fios, carregadores e mouses, de forma ambientalmente correta. Os produtos descartados serão processados pelo Programa do Ministério da Ciência Tecnologia Inovações e Comunicações – CRC – Centro de Recondicionamento de Computadores, uma iniciativa federal socioambiental. Os equipamentos descartados que forem reaproveitáveis serão recondicionados e doados para escolas públicas na forma de laboratórios de informática de inclusão digital. Os equipamentos e acessórios não reaproveitáveis serão desmontados e encaminhados para reciclagem ambiental, onde materiais como plásticos e metais serão recuperados, se transformando em matéria prima para fabricação de novos produtos.

“Pode ser surpreendente, mas responsabilidade sustentável em Mônaco é algo real e inspirador e é por isso que a autoridade de turismo de Mônaco está muito honrada e orgulhosa de se comprometer com a causa e participar da primeira campanha de coleta pública de lixo eletrônico no Brasil em parceria com o Greenk”, afirma Guy Antognelli, Deputy General Manager do escritório de turismo do destino.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!