Rio de Janeiro espera novas doses para anunciar calendário de vacinação de março

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O secretário municipal de Saúde do Rio de Janeiro, Daniel Soranz, disse ontem (25) que a prefeitura espera a chegada de nova remessa de vacinas contra a covid-19 para apresentar o calendário de vacinação de março.

“O objetivo da prefeitura do Rio é acelerar a vacinação. Enquanto a gente tiver vacina, a gente vacina os grupos prioritários. Se for necessário, se a gente não tiver dose, a gente interrompe e volta novamente conforme as doses forem chegando”, afirmou Soranz, que acompanhou nesta manhã a campanha de vacinação no Museu da República, no Catete, na zona sul da cidade, um dos novos pontos de imunização.

Segundo o secretário, a cidade do Rio já vacinou 270 mil pessoas contra a covid-19.

A capital fluminense retomou hoje a vacinação de idosos após a confirmação do repasse de 105 mil doses dos imunizantes (84 mil da Oxford/AztraZeneca e 21 mil da CoronaVac), quantidade suficiente para atender o público entre 82 e 80 anos.

Hoje serão vacinados os idosos com 82 anos. Hoje (26) será a vez daqueles com 81 anos. Já no sábado (27) serão pessoas com 80 anos, além da repescagem para aqueles que têm mais de 80 anos e perderam seu dia de vacinação previsto no calendário.

A prefeitura do Rio teve que cancelar, no dia 17 deste mês, a aplicação de primeira dose em idosos, devido à falta de vacina no município. Por isso, o calendário que previa a imunização de todas as pessoas com 75 anos ou mais até o próximo sábado acabou sendo adiado.

A Secretaria Municipal de Saúde estima vacinar 152 mil pessoas com idade entre 75 e 79 anos.

Locais de vacinação
Com o aumento da população a ser vacinada à medida que a idade diminui, a prefeitura está disponibilizando novos pontos de vacinação que comportem um público maior. O Museu da República, o Planetário da Gávea e o Tijuca Tênis Clube se somam às clínicas da família, centros municipais de saúde e aos drive thru’s para a imunização.

O superintendente de Vigilância em Saúde, Márcio Garcia, que também acompanhou a campanha de vacinação no Museu da República, disse que a ideia é que a cada nova fase deva ser ampliada a estratégia de ter pontos maiores para a aplicação das doses.

“Se necessário, vamos seguir nessa estratégia de ter locais maiores para montar pontos de vacinação e a possibilidade de ampliar o número de drive thru’s se a gente tiver o indicativo de necessidade”, afirmou.

Horários
Sexta-feira, dia 26:
Funcionamento das 8h às 17h
– Clínicas da família e centros municipais de saúde
– Planetário da Gávea
– Tijuca Tênis Clube
– Museu da República, no Catete

Funcionamento das 9h às 15h
– Drive thru da UERJ, no Maracanã
– Drive thru do Parque Olímpico, na Barra da Tijuca

Sábado, dia 27:
Funcionamento das 8h às 17h
– Clínicas da família e centros municipais de saúde
– Planetário da Gávea
– Museu da República, no Catete

Funcionamento das 8h às 14h
– Drive thru do Engenhão, no Engenho de Dentro

Funcionamento das 9h às 15h
– Drive thru da Cidade Universitária, na Ilha do Fundão
– Drive thru do CMS Belizário Penna, em Campo Grande
– Drive thru do CMS Manoel Guilherme da Silveira, em Bangu
– Drive thru do Parque Madureira
– Drive thru do Parque Olímpico, na Barra da Tijuca
– Drive thru da Policlínica Lincoln de Freitas Filho, em Santa Cruz
– Drive thru do Sambódromo, em Santo Cristo
– Drive thru do Campus da UFRJ na Praia Vermelha
Com Agência Brasil

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!