Municípios do ABC Paulista decretam toque de recolher para conter avanço da covid-19

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Os municípios do ABC Paulista adotam, a partir deste sábado (27), o toque de recolher para aumentar o isolamento social e tentar conter a disseminação do novo coronavírus na região . A medida foi aprovada em assembleia extraordinária do Consórcio Intermunicipal Grande ABC na última quarta-feira (24).

Dos sete municípios do ABC, cinco vão aderir à restrição de circulação de pessoas durante a noite: Santo André, São Bernardo do Campo, Diadema, Mauá e Rio Grande da Serra.

São Caetano e Ribeirão Pires decidiram não aderir às novas restrições e manter apenas o estipulado pela Fase Amarela do plano de quarentena do governo estadual.

Restrições
Nos demais municípios, as atividades comerciais serão encerradas a partir das 21h, com exceção das farmácias e de equipamentos de saúde. O transporte coletivo será interrompido a partir das 22h.

As novas restrições valem até 7 de março, quando a situação será reavaliada. A circulação de pessoas será restringida entre das 22h às 4h.

Além de aderir ao toque de recolher, São Bernardo adiou para 15 de março o retorno às aulas na rede pública estadual e municipal. A cidade registra 1.507 mortes por covid-19 desde o início da pandemia, das quais 491 ocorreram entre 17 de novembro e 17 de fevereiro. Segundo o último boletim divulgado pela prefeitura, 85% dos leitos em unidades de tratamento intensivo (UTIs) para adultos estão ocupados.

Em Mauá, a circulação de pessoas será restrita das 23h até as 4h da manhã. A cidade já registrou 584 mortes por covid-19 e tem 67% dos leitos públicos municipais de UTI ocupados.

Em Santo André, a prefeitura informou que fará operações para combater festas clandestinas no período do toque de recolher, com a Guarda Civil Municipal e apoio da Polícia Militar. O município tem 77,2% dos leitos de UTIs ocupados e 1.197 mortes confirmadas pelo novo coronavírus.

Em Diadema, 75% das vagas de UTI estão sendo utilizadas, e o município já confirmou 662 mortes pela covid-19. Com Agência Brasil

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!