Parques municipais de São Paulo abrem em horário normal

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Os 70 parques municipais que já estão abertos na capital paulista voltaram ao horário normal. A ampliação do tempo de funcionamento vale, no entanto, só para os dias de semana. Aos sábados e domingos, os espaços permanecem fechados.

Seguindo o plano de flexibilização da quarentena contra o coronavírus do governo estadual, a prefeitura de São Paulo tinha reaberto 70 dos mais de 100 parques municipais no dia 13 de julho. Até então, os espaços só tinham autorização para funcionar por horários limitados: das 6h as 16h para o Parque Ibirapuera (zona sul) e do Carmo (zona leste), entre 10h e 16h para os demais.

Agora, cada parque vai voltar ao horário de funcionamento habitual durante a semana. O Ibirapuera, por exemplo, vai poder começar receber visitantes às 5h, com os últimos portões fechando só à meia-noite. O Parque do Carmo funciona das 5h30 as 20h.

O decreto publicado do Diário Oficial do município mantém outras restrições aos parques. O público é limitado a critério de cada local e o uso de máscaras será obrigatório. Parques infantis, quadras de esporte e bebedouros continuam sem funcionar.

Quarentena
A capital paulista está na Fase 3 – Amarela, do Plano São Paulo, desde o dia 26 de junho. Nesta fase, bares, restaurantes, shoppings centers, comércio de rua, salões de beleza e barbearias podem reabrir, mas com limitação de 40% do público.

O Plano São Paulo, elaborado pelo governo paulista em virtude da pandemia do novo coronavírus, é dividido em cinco fases que vão do nível máximo de restrição de atividades não essenciais (vermelho) a etapas identificadas como controle (laranja), flexibilização (amarelo), abertura parcial (verde) e normal controlado (azul). O Plano São Paulo também é regionalizado, ou seja, o estado foi dividido em 17 regiões e cada uma delas é classificada em uma fase. Com Agência Brasil

PUBLICIDADE
Don`t copy text!