Suspeito de homicídio no Cecília Meireles é identificado e PM acredita ter encontrado a arma do crime

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Equipes da Polícia Militar de Pará de Minas identificaram na tarde de segunda-feira (23) na Rua Dois, Condomínio III, Bloco 05, no Residencial Cecília Meireles, um suspeito de ter sido o autor do homicídio ocorrido no bairro na madrugada de segunda-feira e conduziu à Delegacia de Polícia outro suspeito de envolvimento no crime, de 21 anos, que estava com uma faca suja de sangue, possivelmente usada contra a vítima.

Em continuidade do rastreamento ao autor do homicídio, os militares foram até o bairro verificar denúncias anônimas que o jovem de 21 anos seria o autor do crime. No apartamento que divide com a mãe, foi encontrada uma faca com aproximadamente 20 cm, suja de sangue, com indícios de ser a arma usada no crime. O suspeito negou que tenha sido o autor do homicídio, mas não deu explicações coerentes sobre o fato de estar com a faca.

Os militares receberam nova denúncia dizendo que um jovem de 27 anos, morador do mesmo bairro, seria o autor do homicídio. Foi abordada sua namorada de 42 anos, que relatou que ele lhe disse que teria acabado com sua vida, pois havia matado a vítima, também de 27 anos, e que antes do crime, autor e vítima teriam consumido bebidas e drogas juntos. Mas ela não soube informar o paradeiro do namorado.

O suspeito citado não foi encontrado no rastreamento feito pelos militares, sendo a sua namorada de 42 anos e o suspeito de também estar envolvido no crime, de 21 anos, convidados a comparecer à Delegacia de Polícia para esclarecem os fatos, para onde foi encaminhada a faca possivelmente usada no homicídio.

A PM continua o rastreamento ao suspeito de 27 anos e pede à população que colabore com informações pelos telefones 190 e 181.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

Don`t copy text!