Trens e barcas ficam mais caros a partir de fevereiro no Rio

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

As tarifas cobradas de passageiros de barcas e trens do estado do Rio de Janeiro serão reajustadas em fevereiro. Dois decretos publicados nesta segunda (23) pelo governador, Luiz Fernando Pezão, no Diário Oficial do Estado do Rio de Janeiro, determinam o aumento das passagens.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

O bilhete nos trens da Supervia, atualmente no valor de R$ 3,70, passam a custar R$ 4,20 a partir de 2 de fevereiro.

No caso das barcas, a concessionária fica autorizada a cobrar R$ 5 a partir de 12 de fevereiro. O preço atual é de R$ 4,10.

Os valores foram fixados em deliberações publicadas em 27 de dezembro pela Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos de Transportes Aquaviários, Ferroviários, Metroviários e de Rodovias do Estado do Rio de Janeiro (Agetransp)

Bilhete Único
O valor do Bilhete Único Intermunicipal também foi reajustado no início deste ano, e o aumento foi parar na Justiça. O valor já havia subido de R$ 6,50 para R$ 8 em 1º de janeiro, e o governo do estado decretou novo reajuste, que passaria a valer em 13 de fevereiro e elevaria o valor das passagens para R$ 8,55.

A Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro pediu a suspensão da medida na Justiça, que concedeu liminar impedindo que o reajuste fosse efetivado.

O bilhete único permite que os usuários façam até duas viagens, no intervalo de três horas, em ônibus, metrô, trem, barcas, vans legalizadas e BRT (corredor exclusivo de ônibus), pagando o valor de R$ 8. Com Agência Brasil

PUBLICIDADE
Don`t copy text!