Deputados e secretário debatem Plano Ferroviário de Minas Gerais

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

A Comissão Extraordinária Pró-Ferrovias Mineiras recebe, nesta quarta-feira (23), o secretário de Estado de Infraestrutura e Mobilidade, Marco Aurélio de Barcelos Silva. Ele vai debater com os parlamentares a assinatura de termo de cooperação para elaboração do Plano Estratégico Ferroviário (PEF) de Minas Gerais.

A reunião será às 16 horas, no Plenarinho II da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). O requerimento é assinado pelos deputados João Leite (PSDB), Gustavo Mitre (PSC), Coronel Henrique (PSL) e Antonio Carlos Arantes (PSDB) e pela deputada Marília Campos (PT).

Segundo João Leite, presidente da comissão, a audiência pública visa dar publicidade e esclarecer à população sobre os termos do acordo de cooperação técnica assinado pelo Governo de Minas com a Associação Nacional dos Transportadores Ferroviários (ANTF) para elaboração do PEF.

Ele enfatiza que o Plano Estratégico Ferroviário contará com um diagnóstico do atual sistema ferroviário com vistas à elaboração de estratégias e investimentos que atendam à demanda do setor e da população mineira. A comissão também vai fazer audiências para colher sugestões para o PEF. A primeira já foi realizada, em Conselheiro Lafaiete (Central).

“Esse é o primeiro grande resultado prático da Comissão Pró-Ferrovias, que está voltada para fazer desse modal de transporte uma ferramenta relevante para gerar emprego e riqueza para Minas Gerais”, argumenta o parlamentar.

Trem para Confins – Estudos preliminares sobre o PEF, sobretudo relativos à Região Metropolitana de Belo Horizonte (RMBH), foram apresentados à comissão em audiência realizada no dia 19 de setembro. A proposta atual traz uma linha entre o Belvedere (BH) e Betim (Linha A); outra entre o Horto (BH) e Nova Lima (Linha B); e a terceira entre o Horto e Sete Lagoas, passando por Confins (Linha C).

Juntas, as três linhas atendem 17 municípios, com quase 180 quilômetros e previsão de 300 mil passageiros/dia. Está prevista, ainda, a integração dessas linhas com o Metrô de BH. A previsão da Agência de Desenvolvimento da RMBH é de concluir o PEF até meados do ano que vem. Com ALMG

PUBLICIDADE
Don`t copy text!