Novo presidente garante que honrará a confiança dos cruzeirenses

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Eleito nesta quinta-feira (21) como novo presidente do Cruzeiro, Sérgio Santos Rodrigues já começa a traçar seu planejamento para gerir o Clube nos próximos meses. O novo dirigente comandará a Raposa até o fim desta temporada ao lado de seus vices-presidentes Lidson Potsch Magalhães e Biagio Teodoro Peluso.

Em suas primeiras palavras como mandatário, Sérgio Santos Rodrigues falou da relação com o Cabuloso desde seus primeiros anos de vida e deixou claro que quer devolver o Cabuloso à elite do futebol brasileiro e tornar a marca Cruzeiro ainda mais forte.

“Eu saí da mesma arquibancada que o torcedor vai. Sou de família cruzeirense e poder representar a torcida é um prazer fora do comum. Não tenho dúvida de que, com muita garra e determinação, vamos sair da difícil situação que enfrentamos. Agora precisamos de paz, dentro e fora do Clube, e precisamos que a torcida abrace o nosso projeto e seja nossa parceira para que o Cruzeiro suba ano que vem”, ressaltou.

“Planejamos nossa atuação no Cruzeiro desde o início de nossa candidatura. Estudamos dia e noite os problemas do Clube e em como solucioná-los. Como sempre falo, os problemas não são maiores que a marca Cruzeiro. Somos maiores do que qualquer problema”, complementou.

Aos 37 anos, Sérgio Santos Rodrigues acumula passagens expressivas por diversos cargos no Cruzeiro ao longo da história. O novo presidente da Raposa lembrou de como ajudou a equipe azul e branca em outros momentos e destacou sua carreira de destaque como advogado.

“Formei em Direito em 2004 e em 2006 virei auditor no Tribunal de Justiça Desportiva. Cheguei ao Cruzeiro no ano de 2009 para ser superintendente de gestão estratégica e assessor jurídico da presidência, defendendo o Clube no TJD, STJD, no Tribunal de Justiça de Minas Gerais e em diversos tribunais. Em 2015 me tornei superintendente de negócios internacionais, onde tive grande experiência com a base, e no ano seguinte assumi a superintendência de futebol profissional. São basicamente nove anos de serviços voluntários ao Cruzeiro e que prestei com muito carinho e amor”, citou.

Por fim, Sérgio Santos Rodrigues convidou a maior e mais apaixonada torcida de Minas Gerais a ajudar o Cruzeiro a se reerguer e garantiu que o Cabuloso viverá uma nova fase.

“Quero que o torcedor acredite em nosso projeto. Tenho certeza de que todo mundo sonha em ocupar o cargo de presidente. Mas além de sonhar, eu sempre me preparei para isso, pois não podemos pensar somente de forma emotiva. Precisamos ter profissionalismo para gerir um clube de futebol do tamanho do Cruzeiro. O torcedor pode ter certeza absoluta de que vamos trabalhar dia e noite e queremos a participação de todos”, finalizou. Com informações do Cruzeiro.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!