João Bosco lança CD no Rio

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O novo álbum de João Bosco, Mano que zuera, que chegou 8 anos depois do último CD de inéditas do compositor e violonista mineiro, ganha agora lançamento oficial no Vivo Rio, dia 29 de junho.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

A nova safra de João Bosco começou a ser conhecida com o lançamento do single Onde estiver, parceria com Francisco Bosco inspirada no estilo Bob Dylan de contar histórias, do qual ambos são admiradores. Com Francisco, João assina outras 4 canções, incluindo a faixa título, Fim, Nenhum futuro e Quantos Rios. Três canções conhecidas ganharam novas versões, uma delas Sinhá, composta com Chico Buarque, gravada no álbum anterior do parceiro de João, que volta com novo arranjo, para o qual Bosco recrutou o violão 7 cordas de Marcello Gonçalves, o bandolim de Luis Barcelos e o violão de Ricardo Silveira. João do Pulo, parceria com Aldir Blanc gravada originalmente há 31 anos no álbum Cabeça de Nego, e uma versão instrumental para Clube a Esquina 2 (Milton Nascimento, Lô e Marcio Borges) surgem interligadas. Em gravação de voz e violão, João incluiu no novo álbum a obra-prima Coisa n 2, do arranjador, compositor e maestro Moacir Santos.

A parceria Bosco/ Blanc está de volta no samba Duro na queda, clássica representante da nobre linhagem da dupla. Pé de vento inaugura colaboração com o compositor baiano Roque Ferreira. Arnaldo Antunes, com quem João já queria compor há tempos, é o parceiro em Ultra leve, canção solar que propõe um sobrevoo para além dos cartões postais do Rio de Janeiro (a gravação conta com os vocais de Julia Bosco). O show que lança Mano que zuera terá ainda clássicos do repertório de João Bosco.

Homenageado pela Academia Latina da Gravação com um Grammy à Excelência da Obra, em 2017, e vindo de uma temporada o Blue Note de Nova Iorque, João Bosco (voz e violão) apresenta o show novo ao lado de uma banda de craques formada por Ricardo Silveira (guitarra), Guto Wirtti (baixo) e Kiko Freitas (bateria).

PUBLICIDADE
error: Conteúdo Protegido!