Operação da Polícia Civil mira venda de linhas chilenas em Betim

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) realizou operação de combate à venda de linhas cortantes, no bairro Capelinha, em Betim, região metropolitana. Durante o cumprimento do mandado de busca e apreensão, o dono do estabelecimento comercial, de 31 anos, foi preso em flagrante pela atividade ilícita prevista no artigo 56 da Lei 9.605/98.

Após trabalho de inteligência da PCMG, foi identificado que o comércio varejista, de nome fantasia “Comando Aéreo”, realiza a venda de linhas cortantes, popularmente conhecidas como linhas chilenas. O local seria responsável pela maior parte das vendas de linhas cortantes na cidade, prática que corrobora com o alto índice de acidentes que vitimam, sobretudo, ciclistas, motociclistas e pedestres na região metropolitana.

Durante a ação, foram apreendidos 66 carretéis, contendo 217 mil metros de linhas cortantes, bem como maquinário de preparação e separação para venda das linhas no varejo. A operação ocorreu na sexta, 14 de agosto. Com informações da PCMG.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!