Neymar deixa treino com dores no tornozelo direito

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Lucas Figueiredo/CBF

Alvo de dez faltas no empate com a Suíça, no último domingo (19), o atacante Neymar se queixou de dores no tornozelo e está aos cuidados da fisioterapia da seleção brasileira. O atleta chegou a fazer aquecimento em campo com os demais jogadores, na manhã de hoje, mas depois foi encaminhado para a fisioterapia.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Segundo informações da CBF, o camisa 10 brasileiro trabalhará separado até a manhã desta quarta-feira, mas à tarde deverá treinar com o grupo.

Em março deste ano, Neymar submeteu-se a uma cirurgia no quinto metatarso do pé direito, após uma lesão no campeonato francês, quando defendia o Paris Saint-Germain. A partida contra a Suíça foi a terceira do atleta após quase três meses de tratamento.

O técnico Tite deu sequência à preparação do time para enfrentar a Costa Rica, adversário do Brasil na segunda rodada do Grupo E da Copa do Mundo da Rússia, na manhã da próxima sexta-feira (22). Os atletas que começaram o jogo contra a Suíça seguiram no processo de recuperação e fizeram atividades regenerativas. Já os reservas foram para o campo principal do centro de treinamento, em Sochi, e fizeram trabalho de finalizações, para melhorar a pontaria.

Treino
Após o aquecimento, com a tradicional roda de bobinho, o técnico e os seus auxiliares conduziram o treino de finalizações. Gabriel Jesus e Casemiro, titulares na estreia da seleção brasileira, participaram dessa etapa, que incluiu cruzamentos laterais para a área.

A segunda etapa foi um trabalho coletivo, em campo reduzido, com o objetivo de intensificar a troca rápida de passes e a movimentação ofensiva. Os goleiros Ederson e Cássio participaram desse treinamento.

Após o treino, Philippe Coutinho concedeu entrevista coletiva e comentou o próximo desafio do time brasileiro. “Vai ser um jogo muito importante. A gente queria a vitória no primeiro jogo, mas não veio. Agora nós temos essa nova oportunidade”, afirmou.

Para ele, a equipe brasileira precisa estar focada durante os 90 minutos. “Temos que estar com a cabeça forte, focados para fazer um grande jogo na sexta-feira. Vai ser um jogo difícil, todos os jogos de Copa do Mundo são. Temos que estar ligados”, disse.

A seleção brasileira terá mais um dia de treinamento em Sochi antes de seguir para São Petersburgo, onde enfrentará a Costa Rica, a partir das 9h (horário de Brasília) de sexta-feira. Com Agência Brasil

PUBLICIDADE