Entidades dizem que faltam medicamentos para intubação de pacientes no Brasil

O desabastecimento de anestésicos e de outros medicamentos utilizados para intubação de pacientes com covid-19 foi tema de reunião, entre representantes da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), de entidades que representam o setor de hospitais privados e da Associação Médica Brasileira (AMB).

De acordo com as entidades, há um déficit importante no estoque destes medicamentos em todo país. Para reverter este cenário, a Anvisa tem adotado medidas de flexibilização para que esses insumos sejam disponibilizados aos serviços, sem prejuízo de sua eficácia, qualidade e segurança.

A agência reguladora informou ainda que disponibiliza um painel com informações sobre a fabricação, importação e distribuição de anestésicos, sedativos, bloqueadores neuromusculares e agentes adjuvantes, entre outros medicamentos, empregados para a manutenção da vida de pacientes infectados pelo SARS-CoV-2. Com Agência Brasil

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!