TSE define data de realização da nova eleição para o Senado em Mato Grosso

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Luís Roberto Barroso, autorizou ontem (17) a realização de nova eleição para o preenchimento de uma vaga de senador pelo estado do Mato Grosso. O novo pleito será realizado no dia 15 de novembro, data do primeiro turno das eleições municipais, em função da cassação do mandato da ex-senadora Juíza Selma Arruda (Podemos-MT).

Em abril, a Mesa Diretora do Senado declarou a perda do mandato em cumprimento à decisão do TSE, que cassou Selma Arruda por caixa 2 e abuso de poder econômico na campanha eleitoral de 2018.

A vaga é ocupada temporariamente por Carlos Fávaro (PSD), terceiro colocado na disputa, que ganhou no Supremo Tribunal Federal (STF) o direito de ocupar a cadeira até que nova eleição seja realizada. O pleito suplementar estava marcado para abril, mas foi adiado pela Justiça Eleitoral do estado devido à pandemia da covid-19. Em seguida, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) pediu ao TSE autorização para fazer a eleição simultaneamente com o pleito municipal.

Além de Carlos Fávaro, Jayme Campos (DEM) e Wellington Fagundes (PL) também são senadores pelo Mato Grosso. Com Agência Brasil

PUBLICIDADE
Don`t copy text!