Funcionários da Vale depõem na CPI sobre vazamento em barragem da mineradora em Brumadinho

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Cinco funcionários da mineradora Vale serão ouvidos, como testemunhas, pela Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Barragem de Brumadinho da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). Os depoimentos serão coletados nesta quinta-feira (18), a partir das 9h30, no Plenarinho IV.

A finalidade da reunião é esclarecer dúvidas sobre as causas do rompimento da Barragem B1 da Mina do Córrego do Feijão, ocorrido em 25 de janeiro, em Brumadinho (Região Metropolitana de Belo Horizonte). A tragédia matou 248 pessoas e outras 22 continuam desaparecidas.

Os convidados foram citados pelo também funcionário da Vale Fernando Henrique Barbosa Coelho, durante seu depoimento no dia 8 deste mês, quando relatou, sete meses antes do rompimento, um vazamento na barragem. De acordo com Fernando Henrique, os colegas que serão ouvidos também trabalharam para conter o vazamento e podem dar mais detalhes sobre os problemas detectados na estrutura.

Estão sendo aguardados para a reunião Marco Aurélio Amorim, Renato Pinto de Figueiredo, Vagner Zacarias, Rodrigo da Silva Moreira e Sidmar Moreira. Com ALMG

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!