Casos de dengue na cidade de SP reduz em relação ao ano passado

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Entre 1º de janeiro e 3 de fevereiro, foram registrados 46 casos autóctones de dengue em São Paulo, ou seja, contraídos na cidade. O número é cerca de três vezes menor que no mesmo período do ano passado, quando houve 176 notificações. A informação foi divulgada nesta quinta (15) pela Secretaria Municipal da Saúde de São Paulo.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Em todo o ano passado, foram notificados 846 casos autóctones da doença, sem registro de morte.

Zika
Nas cinco primeiras semanas epidemiológicas de 2018, assim como no mesmo período do ano passado, não houve registro de casos autóctones de zika na capital paulista. Em todo o ano passado, foram confirmados três casos autóctones da doença na cidade.

Chikungunya
Até este momento não foram notificados casos de chikungunya autóctone na cidade de São Paulo. No ano passado, neste mesmo período, foram constatados quatro casos autóctones.

Histórico
Segundo a secretaria municipal, desde 2015, ano de pico de casos de dengue na capital paulista, as doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti vêm apresentando reduções ano a ano. Em 2015, informou o órgão, foram notificados 100.431 casos de dengue na capital, além de 1.232 casos importados (de pessoas que contraíram a doença em outras cidades). Neste mesmo ano, cinco pessoas tiveram zika [casos não autóctones], enquanto os casos de febre chikungunya somaram 113, todos de pessoas que contraíram a doença fora da cidade. Com Agência Brasil

PUBLICIDADE
Don`t copy text!