Família registra desaparecimento de taxista e PCMG descobre que ele está preso no Rio

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) localizou, ontem (15/2), no estado do Rio de Janeiro, um homem, de 34 anos, que, em tese, estava desaparecido desde o dia 10 de fevereiro de 2021. Após investigações, foi verificado que ele está preso, em virtude de flagrante de crime de tráfico de drogas, no município de Petrópolis (RJ).

De acordo com familiares, que registraram o desaparecimento do homem, ele é taxista na cidade de Santa Maria do Suaçuí, região Leste de Minas, e teria ido para Belo Horizonte fazer uma corrida. No último contato feito com a família, o taxista afirmou que estava na capital mineira.

Durante as apurações, conduzidas pela equipe da Delegacia de Polícia Civil em Santa Maria do Suaçuí, foram realizados diversos levantamentos, com o emprego de técnicas de investigação e inteligência policial, que constataram atitudes suspeitas do homem. Conforme levantado, ele teria ido pelo menos duas vezes ao Rio de Janeiro, em menos de uma semana.

Dando continuidade à investigação, a equipe comprovou a prisão do taxista em Petrópolis. Ele foi preso em flagrante, no dia 11 de fevereiro, quando tentava retornar para Santa Maria do Suaçuí, portando entorpecentes.

O homem permanece preso no Rio de Janeiro, à disposição da Justiça. Com informações da PCMG

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
[wp_bannerize_pro id="valenoticias"]
Don`t copy text!