Apreendidos 415 tabletes de pasta-base de cocaína, folhas de Coca e aeronave no aeroporto de Pará de Minas. Veja fotos

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Enviada via WhatsApp

Na noite de quinta-feira, 15 de fevereiro, uma equipe da Polícia Militar recebeu denúncias anônimas de pessoas que suspeitaram de um avião que realizava voos rasantes e repetitivos no espaço aéreo do Aeroporto de Pará de Minas.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Policiais militares estiveram no aeroporto e foram informados que o piloto deixou uma aeronave CESSNA 210,  de prefixo PR-GHM, no hangar e deixou o local em uma caminhonete Hilux, dizendo que voltaria na madrugada desta sexta-feira, 16 de fevereiro.

Enviada via WhatsApp

O zelador do hangar foi localizado em casa e disse não conhecer o piloto e também não anotou a placa da caminhonete na qual ele deixou o aeroporto de Pará de Minas. Informações preliminares indicam que este hangar fica disponível para a rotatividade de aeronaves em trânsito no espaço aéreo de Pará de Minas.

Enviada via WhatsApp

Durante vistoria no avião, policiais militares encontraram 415 tabletes de pasta-base de cocaína e um pacote de folhas da planta Coca. A quantidade exata ainda será confirmada pela Polícia Militar. No momento das buscas ninguém foi preso, mas o avião que transportava a droga foi apreendido pelos militares.

Enviada via WhatsApp

Posteriormente o registro se transformou em uma ação conjunta entre Polícia Militar e Polícia Federal, por meio de agentes da Delegacia de Repressão às Drogas que estiveram em Pará de Minas para a sequência da ocorrência, caracterizada como tráfico internacional. A droga apreendida era procedente da Bolívia, O piloto da aeronave foi preso por agentes federais em Belo Horizonte.

Enviada via WhatsApp

A assessoria de Comunicação da 19ª Companhia Independente da Polícia Militar de Pará de Minas informou que em breve pretende detalhar a ação dos militares da Unidade que resultaram na apreensão do avião e aproximadamente 415 tabletes de pasta-base de cocaína. A Polícia Federal também deverá se manifestar sobre o caso.

Atualizada em 16.02.2017 às 09h57min.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!