Nos pênaltis, Cruzeiro elimina o Santos e está na semifinal da Copa do Brasil

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

O Cruzeiro é o primeiro semifinalista da Copa do Brasil 2018! Nesta quarta-feira (15), a Raposa perdeu por 2 a 1 para o Peixe, no Mineirão, e decidiu a vaga nos pênaltis já que havia vencido o primeiro jogo por 1 a 0. Na disputa, brilhou a estrela do goleiro Fábio, que agarrou as três primeiras cobranças santistas e garantiu a vitória por 3 a 0 do time mineiro, que está na próxima fase da competição.

Atual campeão da competição, o Cruzeiro agora aguarda o adversário da semifinal, que sairá do confronto entre Palmeiras e Bahia. No primeiro jogo, as equipes empataram em 0 a 0 e definem a vaga nesta quinta-feira (16), às 19h15, no Pacaembu.

O jogo

Precisando vencer por um gol de diferença após a derrota no primeiro jogo, o Santos começou a partida já no ataque. Aos quatro minutos, Gabriel passou para Rodrygo, que armou para Bruno Henrique, mas viu Fábio sair bem do gol para ficar com a bola. Depois, a proposta do time alvinegro passou a ser apostar nos contra-ataques. Enquanto isso, o Cruzeiro começou a ser ofensivo e, logo na primeira chegada, balançou as redes. Aos 12 minutos, Thiago Neves recebeu na direita, cortou para dentro e finalizou rasteiro: 1 a 0. Com a desvantagem ainda maior, o Peixe começou a pressionar, mas com dificuldades para passar pela defesa cruzeirense. Além disso, a Raposa também não deixou de tentar marcar. Aos 25, Arrascaeta acertou a trave e quase ampliou para os mineiros. Nos minutos finais, o Santos cresceu na partida e conseguiu o empate aos 41. Gabriel recebeu de Dodô e chutou de fora da área para fazer 1 a 1.

No segundo tempo, o Cruzeiro quase ampliou aos nove minutos quando Dedé cabeceou na trave. Logo na sequência, Edílson recebeu de Barcos e tocou por cima do goleiro Vanderlei. Bem posicionado, Lucas Veríssimo afastou o perigo em cima da linha. As investidas da Raposa continuaram fortes, mas, aos 38 minutos, o Santos conseguiu a virada. Da direita, Gabriel passou para Rodrygo, que cruzou para Bruno Henrique desviar de cabeça e acertar o ângulo: 2 a 1. Com o placar agredado de 2 a 2, a decisão foi para os pênaltis.

Na disputa, o goleiro Fábio foi arrasador e garantiu a vitória do Cruzeiro por 3 a 0. O defensor pegou as cobranças dos santistas Bruno Henrique, Rodrygo e Jean Mota, enquanto Lucas Silva, Raniel e David converteram para a Raposa. Com site da CBF

PUBLICIDADE