Duplas brasileiras estreiam com vitória no World Tour Finals de Vôlei de Praia

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Foto: FIVB/Divulgação

O Brasil largou bem com duas importantes vitórias na etapa Finals do Circuito Mundial de vôlei de praia 2018, que acontece em Hamburgo, na Alemanha. Ágatha/Duda (PR/SE) e Carol Solberg/Maria Elisa (RJ) venceram seus jogos nesta quarta-feira (15.08) e deram o primeiro passo em busca da classificação à próxima fase. O torneio conta apenas com o ‘top 10’ do ranking internacional e oferece a melhor premiação do ano.

Carol Solberg e Maria Elisa abriram o dia para o Brasil superando as norte-americanas Summer Ross e Sara Hughes por 2 sets a 0 (24/22, 21/18), em 41 minutos. As brasileiras dividem a liderança do grupo A com as canadenses Bansley e Wilkerson, que também venceram na estreia e serão as adversárias nesta quinta-feira (16.08), às 9h (de Brasília).

Carol Solberg comentou a vitória contra as campeãs da etapa passada, em Moscou, e o formato com menos jogos por dia do torneio ‘dos campeões’.

“Tivemos alguma dificuldade no nosso ataque no começo do jogo, mas buscamos saídas e encontramos um bom ritmo na partida. Elas são um grande time, estão em grande fase após vencerem a etapa passada (em Moscou). Sabíamos que seria duro. Temos um jogo por dia e vamos dar tudo que temos em quadra. Todo jogo é uma final”, analisou.

“Estávamos muito bem entrosadas, apesar do nosso início um pouco lento. Carol me ajudou muito quando eu estava em dificuldades na virada de bola, e eu a ajudei quando ela estava lutando um pouco no segundo set. Essa é a coisa mais legal do nosso time, estamos sempre lá, sendo muito parceiras”, completou Maria Elisa.

Já Ágatha e Duda fizeram a última partida do dia no torneio. E conseguiram calar a arena em Hamburgo, ao superarem as donas da casa Schneider e Bieneck por 2 sets a 1 (19/21, 21/17, 17/15), em 51 minutos de jogo. As brasileiras, que dividem a liderança da chave B com as australianas Artacho/Clancy, voltam à quadra contra as canadenses Sarah Pavan e Melissa Humana-Paredes nesta quinta-feira, às 10h (de Brasília).

“Os jogos contra elas são sempre duros, decididos no tie-break. É uma partida muito tática, temos que estudar muito. Saber em qual atleta vamos sacar em determinado momento. É uma dupla muito boa. Jogar aqui está sendo excelente, a arena está muito grande, com muitas luzes, público lotado. Estamos muito felizes por estarmos entre as melhores”, disse Ágatha.

A competição terá um formato diferente nesta temporada, com dois grupos de cinco times em cada naipe. As equipes jogam entre si dentro das chaves A e B, com os primeiros colocados avançando direto às semifinais. Os segundos e terceiros disputam quartas de final. A decisão de bronze e ouro do naipe feminino acontece no domingo (19.08).

O Finals será disputado pelo segundo ano seguido em Hamburgo, na arena multiuso chamada Rothenbaum, que recebe também torneios de tênis. A tabela de jogos será divulgada ainda nesta terça-feira e o evento oferece no total cerca de R$ 3 milhões em premiações, somando os naipes masculino e feminino. Os dois times campeões recebem cerca de R$ 500 mil. Com site da CBV

PUBLICIDADE