Policiais são presos no Rio por envolvimento com jogo de bicho

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

Quatro policiais civis e um agente penitenciário foram presos nesta terça (15), no Rio de Janeiro, acusados de envolvimento com o jogo do bicho. Eles também são acusados dos crimes de formação de quadrilha, corrupção e lavagem de dinheiro. Os nomes dos presos não foram informados.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Os mandados da segunda fase da Operação Alçapão foram cumpridos pela Corregedoria Interna da Polícia Civil (Coinpol) no Rio, Duque de Caxias e Itaboraí.

Segundo a Polícia Civil, a ação é um desdobramento da primeira fase da Alçapão, desencadeada há sete anos. O objetivo é desarticular as lideranças das organizações criminosas que exploram jogos ilegais, como o jogo do bicho e as máquinas de caça níquel.

Na primeira fase da operação, em junho de 2011, foram cumpridos dez mandados de prisão e dezenas buscas e apreensões contra policiais civis, um advogado e um agente penitenciário. De acordo com a Polícia Civil, os policiais recebiam dinheiro para não investigar e não reprimir esse tipo de crime. Com Agência Brasil

PUBLICIDADE
Don`t copy text!