Defesa de Cesare Battisti foi surpreendida com a decisão de Fux

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O advogado Igor Sant’Anna Tamasauskas, que defende o italiano Cesare Battisti, de 64 anos, disse hoje (14), por meio de nota, que foi surpreendido com a decisão do ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), que mandou prendê-lo, abrindo espaço para sua extradição para a Itália.

“A defesa de Battisti informa que foi surpreendida com a decisão de ontem, 13/12, e providenciará o recurso necessário para sua revisão”, informa a nota divulgada pelo escritório de Tamasauskas, em São Paulo.

Na Itália, Battisti foi condenado por quatro homicídios na década de 1970. Ele vive no Brasil onde, segundo as informações mais recentes, mora em casa de amigos, em Cananeia, no litoral de São Paulo. Com Agência Brasil

PUBLICIDADE
Don`t copy text!