Nova Serrana: bandidos trocam tiros com a polícia

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

plantao_nsr4
Uma equipe da Polícia Militar compareceu ao km 01 da BR-494, onde foi informada que dois veículos, um Fiat Pálio Weekend cor branca e um Fiat Strada cor preta, ambos tomados de assalto na cidade de Divinópolis, foram abastecidos em um posto de combustíveis e seguido sentido a Divinópolis. Os suspeitos se depararam com viaturas policiais na MG-050, momento em que atiraram contra os policiais militares e fugiram em alta velocidade pela BR-494, sentido a BR-262.

Curta a página do Portal GRNEWS no Facebook Siga o Portal GRNEWS no twitter

Foi acionado o cerco e bloqueio em Nova Serrana, onde os autores efetuaram alguns disparos de armas de fogo. O condutor de um dos carros, de 17 anos, inabilitado, perdeu o controle direcional e capotou, parando tombado. Neste momento desceram do carro dois indivíduos com armas em punho e disparam novamente contra os militares. Um autor de 19 anos foi alvejado por tiros e imediatamente socorrido na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Nova Serrana.

O autor de 17 anos nada sofreu. Foram apreendidos com os autores um revólver da marca Smith Welson, calibre 38, municiado com cinco munições intactas; um revólver Taurus, calibre 32, municiado com três munições, sendo duas munições picotadas e uma deflagrada; uma garrucha de calibre 44, com duas munições deflagradas. Os autores transitavam no Fiat Pálio Weekend Adventure, cor branca, placa HYZ-3137, ano 2009, com sinalização de roubo.

O veículo teve danos aparentes de média monta, sendo recuperado e removido para o pátio. Um outro autor foi socorrido a UPA e posteriormente transferido em estado grave para o Pronto Socorro João XXIII, em Belo Horizonte. O terceiro envolvido foi alvejado e socorrido na UPA, onde permaneceu em observação. Durante buscas no veículo foram encontrados três celulares, quatorze cheques de diversos bancos, R$ 202,00 em dinheiro, uma carteira de couro contendo documentos pessoais. Os militares que efetuarem disparo de arma de fogo foram presos em flagrante delito, sendo as armas e munições recolhidas e encaminhadas para a autoridade judiciária militar.

Portal GRNEWS © Todos os direitos reservados.

PUBLICIDADE
Don`t copy text!