Galo se classifica para a segunda fase da Copa do Brasil

GRNEWS nas Redes Sociais Facebook Twitter YouTubeWhatsApp WhatsApp

O Atlético avançou para a segunda fase da Copa do Brasil ao empatar sem gols com o Campinense-PB, na noite desta quarta-feira (12), na Paraíba, no jogo único da primeira fase da competição. A partida foi realizada no Estádio Amigão, em Campina Grande.

Na próxima fase, o adversário será o vencedor do confronto entre Afogados-PE e Atlético-AC, que se enfrentam nesta quinta-feira, em Pernambuco.

Pelo sorteio realizado antes do início da competição, o Galo jogará fora de casa na segunda fase, que também será disputada em partida única, mas com decisão por pênaltis em caso de empate.

O Atlético volta a campo neste domingo para enfrentar a Caldense, às 16h, no Mineirão, pela 6ª rodada do Campeonato Mineiro.

O primeiro tempo do jogo foi de poucas oportunidades para as duas equipes. Igor Rabello tentou lançamento longo e a defesa da equipe local ficou com a bola. Os donos da casa tentaram em dois chutes e Romário, defendidos pelo goleiro Michael.

Aos sete minutos, Di Santo cruzou pela direita e zaga fez o corte. Em seguida, Jair foi à linha e fundo pela direita e tocou para trás, Edinho finalizou e a bola desviou no defensor paraibano. No escanteio, a defesa do Campinense fez o corte pelo alto.

Állefe chutou forte da entrada da área e a bola explodiu na zaga atleticana. Aos 13, Edinho tentou chute sem ângulo, para fora.

No ataque seguinte, a bola chego até Borrero na grande área pela direita, mas a arbitragem assinalo impedimento do jogador colombiano.

Aos 27 minutos, Edinho cobrou falta para a área e a bola ficou com o goleiro Adilson. Zé Welison tentou de longa distância, dez minutos depois, e o arremate foi bloqueado pela defesa do Campinense.

O Galo ainda tentou alguns cruzamentos, mas a primeira etapa terminou sem gols. Em um deles, Igor Rabello chegou a ser puxado pela camisa, mas a arbitragem mandou seguir o jogo.

O Atlético voltou para a etapa final com a mesma formação. Logo no primeiro minuto, Jair foi à linha de fundo pela direita e cruzou para trás, mas a defesa do Campinense afastou o perigo.

Borrero arriscou de fora da área, aos oito minutos, e a bola saiu à direita do gol. Aos 14, Jair foi substituído por Allan. Em seguida, foi a vez de Edinho deixar o campo para a entrada de Marquinhos.

Hyoran cruzou pela direita e o zagueiro mandou a bola pela linha de fundo antes da chegada de Di Santo. Após a cobrança do escanteio pela esquerda, Réver cabeceou na pequena área e a bola desviou em Alex Maranhão.

Aos 26, Hyoran cruzou rasteiro pela direita e o goleiro Adilson fez a interceptação. O time da casa ameaçou na finalização de Fábio Júnior, para fora. Aos 30, Borrero deixou o campo para a entrada de Nathan.

Di Santo recebeu a bola pela esquerda, aos 34 minutos, mas estava em posição irregular. Aos 40, Nathan invadiu a área e concluiu para a defesa do goleiro.

FICHA TÉCNICA
CAMPINENSE-PB 0 x 0 ATLÉTICO

Competição: Copa do Brasil
Data: 16/02/2020 (quarta-feira)
Estádio: Governador Ernani Sátyro (Amigão)
Cidade: Campina Grande (PB)
Cartões amarelos: Igor Rabello, Zé Welison (Atlético); Uesles (Campinense)

Campinense
Adilson; Alex Maranhão, Vitão, Uesles, Matheus Camargo, Peu, Állefe (Vargas), Gabriel Vieira (Rhuann), Romário, Rafael Ibiapino (Zé Paulo) e Fábio Júnior.
Técnico: Oliveira Canindé.

Atlético
Michael; Mailton, Réver, Igor Rabello, Fábio Santos, Zé Welison, Jair (Allan), Edinho (Marquinhos), Dylan Borrero (Nathan), Hyoran e Di Santo.
Técnico: Rafael Dudamel.

Equipe de Arbitragem
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira
Árbitro Assistente 1: Celso Luiz da Silva
Árbitro Assistente 2: Marcyano da Silva Vicente
4º Árbitro: Erik Giovanni Fernandes
Inspetor: Renato Cardoso da Conceição
Com site do Atlético-MG

Don`t copy text!